Conta Loios
rostos.pt
PESQUISAR     
    HOME  |   FICHA TÉCNICA   |   ESTATUTO EDITORIAL   |   ASSINATURAS  |   EDIÇÃO IMPRESSA  |   NEWSLETTER  |    RSS  |    TWITTER  |    FACEBOOK  
INFERÊNCIAS
Horóscopos Diários
Dia 26 de Junho 2017
Por Maria Helena


Bombeiros Voluntários do Barreiro
Recebem roupas para entregar às populações afectadas pelos incêndios


Inferências - Barreiro
Apetece-me pensar a Avenida da Praia deslocalizada para o Mar da Palha


Barreiro – Por dentro dos dias
O Lavradio, hoje, ficou um pouco mais bonito…


COLUNISTAS
O muro
Por Carlos Alberto Correia
Barreiro


A Muralha de Adriano
Por Nuno Santa Clara
Barreiro


EDUCAÇÃO 2018/2019
Por José Caria
Montijo


Quem está a seguir?
Por Jorge Fagundes
Barreiro


Tratam-nos da saúde
Por Nuno Cavaco
Moita


BASTIDORES
Secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes no Barreiro
Protocolo da criação da Equipa de Intervenção Permanente


União de Freguesias Barreiro Lavradio
PSD escolhe Álvaro Ferreira para cabeça-de-lista


TERMINAL DE CONTENTORES NO BARREIRO – ASSIM NÃO!
afirma Mário Durval, candidato do Bloco de Esquerda à Presidência da Câmara


Candidato do PSD à Câmara Municipal do Barreiro, Bruno Vitorino
Quer eliminar burocracia e obstáculos colocados aos empresários e reduzir taxas


Barreiro - União de Freguesias do Alto do Seixalinho, Santo André e Verderena
PSD escolhe Luís Murilhas para cabeça-de-lista


Luís Nascimento candidato a presidente da Câmara Municipal
Trazer para a Moita o hipódromo com corridas de cavalos.


Barreiro - Frederico Rosa, candidato a presidente da CMB do Partido Socialista.
«Infraestrutura como o Terminal de Contentores tem que se enquadra


Moita - No pavilhão municipal de exposições
Apresentação publica de candidatos das listas da CDU


Terminal Contentores que destrói o potencial do Barreiro
Bruno Vitorino está contra novo projeto


CONVERSAS DE 2 MINUTOS
Isabel Mateus Braga fotógrafa do Barreiro
«Um livro para reflectir como a vida é simplesmente construída com fé»


AS EMPRESAS
Barreiro - «O País saiu do défice excessivo mas o serviço público de transporte fluvial Não»
Transporte público fluvial a funcionar com défice


DESPORTO
Basquetebol LIGA LPB PLACARD - GALITOS BARREIRO
André Martins continuará a ser treinador


Barreiro - Clube Naval Barreirense
Marcou presença na Regata Internacional Litocar 2017


Associação Karaté do Distrito de Setúbal
10º Estágio Internacional de Karaté Shotokan no Barreiro



Moita - Equipa de Traquinas do CRI de Alhos Vedros
Participou na 5ª edição da Mértola Cup


Liga Nacional de Karaté de Portugal promove no Barreiro
Estágio de Verão


Atletas do Fabril do Barreiro e FC Barreirense
Integram Seleção da Associação de Futebol de Setúbal


Passeio Informal do Barreiro em BTT
Cerca de 30km ao ritmo do participante menos preparado


FESTI´BOL de PRAIA BARREIRO 2017
Atingiu-se mais de 2 mil entradas e foi considerado um sucesso


Academia de Judo do Barreiro/Grupo Desportivo Fabril
Filipa Maia sagrou-se Vice-Campeã Nacional


Milha Noturna da Moita
Participação de atletas federados e não federados


PERSONALIDADES
Barreiro - Faleceu Paulo Sim Sim Lourenço
Antigo jogador e treinador de basquetebol do FC Barreirense


Câmara Municipal do Barreiro aprova Voto de Pesar
Reconhecendo Manuel de Oliveira


AS ESCOLAS
Moita - Constelação 2030 – Caminhos para Inovar na Educação,
apresenta Referencial de Inovação Pedagógica da Escola Técnica Profissional


Ciclo de Debates de Saúde no Politécnico de Setúbal
Debatem projetos de intervenção realizados na comunidade local


Barreiro - UAEEAM do 1º Ciclo de Santo António da Charneca
«Ronaldo vem à nossa escola. Tu és o melhor jogador».


REPORTAGEM
Na assinatura do contrato de construção da «Muleta»
Vamos ter notícias por estes dias sobre a actividade económica no Tejo
. anunciou o Presid


Moita - Teatro nasce de forma sublime na vida real
Para sermos criadores, o principal é vencermos a inércia


Barreiro - Pacheco Pereira no I Encontro de Cidades dos Afectos
«A memória é importante para a cidadania»


Barreiro – Movimento de Cidadãos Independentes
Apresenta Naciolinda Silvestre nas autárquicas de 2017


Barreiro – Rui Lopo, vereador do Planeamento
«Não é negociável que o Terminal vá para além da zona do Clube da Vela»


Barreiro - 30% do território do concelho está vazio e abandonado de vida
«É um desafio evitar esta situação», afirma Rui Lopo


Barreiro – Rute Pio Lopes apresentou «Sintonias»
«A fotografia que me toca mais inspira-me para escrever»


Barreiro - Campanha #MusEu Contribuo
Valorizar espaço museológico da Baía do Tejo com memórias dos trabalhadores e famílias


Bloco de Esquerda quer «construir um Barreiro pela positiva»
«É pela solidariedade e pela fraternidade que nós mudamos isto»


MOLDURA
Barreiro - II Passeio de bicicletas antigas
Contou este ano com cerca de 60 participantes


Barreiro - Policia Maritima encontra corpo de homem
desaparecido no Tejo quando estava a apanhar bivalves


Em destaque no Centro Histórico
Doçaria de Palmela


Barreiro - Festas Populares de Coina
Cantora REBECA no espetáculo de encerramento


Barreiro - Feira Quinhentista de Coina
2ª edição do evento dias 21, 22 e 23 de julho


Envolvimento do Corpo de Bombeiros do Sul e Sueste - Barreiro
No combate aos incêndios florestais


Barreiro - Comemorações do Dia da Cidade 2017
Destaque para a Cerimónia Barreiro Reconhecido


BARREIRO - FESTIVAL DO VENTO
Vem sentir a brisa da Cidade


Barreiro - Concurso de Gastronomia Ribeirinha
Valorizar a restauração local e ligar a cidade ao rio


SETÚBAL - Recolha de beatas e outros lixos na Praia da Figueirinha
No âmbito da campanha Bandeira Azul 2017


AUTARQUIAS
Construção da ponte pedonal que liga o Seixal ao Barreiro
Assinatura de protocolo


Barreiro - Moita - Montijo
Miguel Canudo, Vereador da Câmara Municipal da Moita
Preside Conselho de Administração da S.energia


Moita - Baixa da Banheira
Apresentação pública do projeto de requalificação urbana da Rua 1.º de Maio


Barreiro - Condicionamento de trânsito na Avenida Alfredo da Silva
Renovação dos pavimentos constituintes das passadeiras


Área de Reabilitação Urbana (ARU) do Concelho do Barreiro
Em análise na reunião da Assembleia Municipal


Plataforma Multimodal do Barreiro
A Avenida da Praia não pode ser afetada nas suas vistas.


OPINIÃO
Uma crítica ao Projecto de Porto para o Barreiro no âmbito da discussão pública do Estudo de Impacto Ambiental.
Por Pedro Canário
Barrei


É A TERCEIRA VEZ QUE A ADMINISTRAÇÃO DO PORTO DE LISBOA (APL) NOS QUER TIRAR A PAISAGEM!
Por Armando de Sousa Teixeira
Barreiro


O SERVIÇO SOCIAL NO PAÍS DO FAZ DE CONTA!
Por Vítor B Munhão
Barreiro


VIOLÊNCIA URBANA
Por Maria José Santos
Barreiro


ASSOCIATIVISMO
BARREIRO RECONHECIDO 2017
«É uma honra para a SFAL receber esta distinção»


Moto Clube do Barreiro
XVI Concentração Nacional de Motociclismo


LIVROS
Jovens do Barreiro da equipa ODD BULLET
Lançam livro «7 Balas: Dias de Cão»


POSTAIS
Bombeiros Voluntários do Barreiro assinalam 86º aniversário>
Prestam homenagem às vitimas do incêndio de Pedrogão Grande


Barreiro - «Rua Florida» de Redondo no Parque da Cidade
Temos que divulgar o interior do país porque estamos esquecidos


Terminal é uma mais valia para o Barreiro
Câmara aprova por unanimidade Parecer sobre Impacto Ambiental
. O impacto desta solução é in


Barreiro - É preciso retomar as freguesias
Um alerta nas comemorações do 22º aniversário da Vila de Santo André


Barreiro - Augusto Sousa mandatário da CDU
Apresentados os seis primeiros candidatos à CMB


Barreiro - No Mercado Municipal do Lavradio
Arte de azulejos de alunos da Escola Álvaro Velho


AGENDA
FORUM BARREIRO - BARREIRO
Castello Lopes Cinemas
Programação Semanal


Espaços Vivos 2017 - Barreiro
Junho e julho


EUROPA
Declaração do Vice-presidente Dombrovskis
Sobre a saída de Portugal do Procedimento de Défice Excessivo


entrevista rostos.pt - o seu diário digital

Barreiro - Uma viagem pela obra de André Letria
A Foxy e Meg continuam presentes na memória de pais e filhos

Barreiro - Uma viagem pela obra de André Letria <br />
A Foxy e Meg continuam presentes na memória de pais e filhos<br />
Até ao próximo dia 21 de Maio está patente ao público, no Auditório Municipal Augusto Cabrita, uma exposição de André Letria, tendo como tema «Vaga Mente», que junta ilustrações de origens e de períodos diversos que permitem viajar pela vida criativa do ilustrador.

“As pessoas, felizmente, continuam a comprar livros para os miúdos e, nós, notamos que existe uma geração de pais, com crianças dos 6 aos 10 anos, que está muito atenta aos livros de qualidade”, salienta André Letria.

André Letria, é natural de Lisboa, tem 43 anos e assume – “sou do Benfica”. Já conhecia o Barreiro, marcou presença na Ilustrarte e, mesmo antes desse evento realizou uma exposição na Biblioteca Municipal do Barreiro.
Os seus trabalhos estão até dia 21 de Maio no Auditório Municipal Augusto Cabrita. Não perca esta oportunidade.
No decorrer da exposição alunos das escolas do ensino básico vão visitar e conversar sobre os livros e o autor.
Enquanto, estávamos por ali, escutámos, uma professora do Ensino Básico, da Escola Laura Seixa, a dialogar com André Letria – “Queria pedir-lhe um autógrafo. Sou sua fã. Estou a trabalhar na minha aula os seus livros”.

Foi um convite assustador

Após uma visita à exposição e nos deliciarmos com os trabalhos de André Letria, em breve conversa com o jornal «Rostos», o ilustrador referiu que a convite da Câmara Municipal do Barreiro, foi-lhe proporcionado o espaço do AMAC – “para preencher como eu quisesse”.
Refere que – “foi um convite assustador, eu já conhecia o auditório de outras exposições que fiz cá há alguns anos, mas que eram relacionadas com lançamentos de livros e portanto mais especificas”.
“De repente estar assim, com este espaço tão aberto e disponível só para mim tornou-se assustador ao inicio, não só pela área a preencher, mas pelo que isso implicava, até de esforço de recuperação de trabalhos antigos”, sublinha.

Uma viagem por 20 anos de ilustrações

“O que nós vemos nesta exposição é um conjunto de trabalhos que têm muitos anos, a maior parte deles, de livros que já estão esgotados e não têm reedições.
Não foi fácil fazer esta recolha e pensar sobre o que devia ser apresentado, ou não”, refere André Letria.
“Aqui na exposição estão uma série de trabalhos que abrangem, períodos que vão de acerca de 20 anos, até hoje, e que passam por uma área de trabalho de ilustração editorial para jornais e para revistas, de publicações como «Público», outras de publicações que já não existem. O conjunto mostra uma diversidade de trabalho que existia neste panorama editorial, que não se vê hoje, para além disso existem muitas ilustrações de livros, que é, no fundo, a minha actividade principal, como ilustrador de livros infanto-juvenis.
Essa é a área que ocupa a maior parte de exposição, até a uma área de ilustração para livros que tem a característica de serem livros de uma editora a Pato Lógico, que criei em 2010, que é a fonte prioritária do meu trabalho hoje em dia, aqui, neste espaço, estão as edições mais recentes.
Existem outras peças gráficas, cartazes com ilustrações minhas. A exposição dá um panorama geral do trabalho que tenho feito”

Aposta no trabalho dos ilustradores portugueses

Como é a vida de um ilustrador, hoje, em Portugal? – perguntámos.
“A vida de um ilustrador, hoje, é muito mais fácil que era no tempo que eu comecei, as coisas felizmente, mudaram para melhor, e, mesmo o facto de existir um número muito grande de ilustradores a trabalhar , que felizmente conseguem dedicar-se quase exclusivamente, só à ilustração. Apesar dessa concorrência, ela é saudável, e faz com que nós tenhamos esta necessidade de nos aperfeiçoarmos cada vez mais.
Faz que haja uma comunidade que trabalha, felizmente, com contacto muito próximo, e que nos obriga a elevar o nível constantemente, isso faz, que a ilustração em Portugal, seja vista lá fora, com qualidade e de dimensão mundial, tendo esse reconhecimento em Portugal.
Notamos que há essa perspectiva em relação a nós, ilustradores portugueses, o que está provado pelos trabalhos que os ilustradores vão fazendo, para jornais muito conceituados como o New York Times, até mesmo para editoras de referência ao nível mundial.
Trabalhar hoje, como ilustrador, é mais fácil porque há mais encomendas, o que significa que as editoras têm noção que vale a pena fazer a aposta no trabalho dos ilustradores portugueses.
Ainda há uma outra vantagem que se pode tirar daqui, com uma boa visão, que os livros para crianças, provavelmente são dos sectores editoriais, com maior sucesso. As pessoas, felizmente, continuam a comprar livros para os miúdos e, nós, notamos que existe uma geração de pais, com crianças dos 6 aos 10 anos, que está muito atenta aos livros de qualidade”.

Foxy e Meg na memória de pais e filhos

André Letria, na nossa conversa, recordou duas personagens que criou que o marcaram e marcaram gerações.
“A Foxy (raposa) e Meg (galinha), são personagens criadas para uma editora que já não existe, elas não tiveram uma vida muito longa, mas como foram criadas para uma colecção de livros de crianças pequeninas, de crianças que não sabem ler, sendo livros que serviam para tomar contactos com primeiros conceitos, com primeiras palavras, temas como a «Quinta», os «Opostos», as «férias».
Eram personagens curiosas, pelas características particulares delas, uma galinha e uma raposa que são amigas e invertem a ideia tradicional da inimizade, que acontece na vida real entre elas, mas, nos livros vivem de outra forma.
Esta colecção não é muito comum no nosso panorama editorial, dedicados a um público que não e muito trabalhado pelas editoras portuguesas, e, infelizmente, deixou de ter continuidade em formato de livro, mas transforam-se numa série de animação e acabaram por ir sobrevivendo, ao fim da editora, e, pelos vistos, deixaram marcas, há muitas pessoas que se lembram delas, pois os seus filhos foram crescendo com essa companhia”.

Uma sequência natural das coisas
Como descobriu o mundo da ilustração?
“Foi graças ao meu pai, o escritor José Jorge Letria, grande parte da obra dele é dedicada a livros para crianças. Como fui seguindo o meu percurso de estudante direcionado para a artes, acabei por entrar na Faculdade de Belas Artes, para tirar o curso de pintura, até lá chegar, sempre soube que era uma área relacionada com este tipo de trabalho que eu queria seguir, não sabia o que era ser ilustrador, mas foi uma sequência natural das coisas começar a trabalhar, como ilustrador para um livro que meu pai escreveu, começou como uma experiência. Foi um risco que se correu, mas foi a ordem natural das coisas. Foi como me inicie nestas lides, embora trabalhasse como paginador do JL – Jornal de Letras e já fazia ilustração de alguns contos, que escritores publicavam regularmente no jornal.”

10.03.2017 - 19:31
Imprimir   imprimir

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Partilhar: partilhar no facebook  TwitThis  digg it  Google Bookmark  Technorati  guardar link no del.icio.us 

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital

comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

rostos.pt - o seu diário digital

envie o seu comentário

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital





rostos.pt - o seu diário digital

Pesquisar outras notícias no Google

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Design: Rostos Design. Fotografia e Textos: Jornal Rostos.
Copyright © 2002-2017 Todos os direitos reservados.

PUB.

PUB.

REVISTA ROSTOS

PUB.

ROSTOS APOIA

DAMOS ROSTOS ÀS CIDADES

PUB.

PUB.

PUB. - ANUNCIO

DIVULGAÇÃO

EDIÇÃO IMPRESSA


OUTRAS EDIÇÕES

  

  

VIDEOS ROSTOS

CANAL ROSTOS NOS VIDEOS SAPO


LIGAÇÕES

MARTA SOUSA PEREIRA Photography


ENTRE TEJO E SADO - BLOG SAPO LOCAL


SAPO LOCAL


GOOGLE NEWS - BARREIRO


JORNAIS E REVISTAS


CAMARA MUNICIPAL DO BARREIRO


CAMARA MUNICIPAL DA MOITA


BLOG DEDICADO A LAURA SEIXAS


ARTBARREIRO.COM


BANDA MUNICIPAL DO BARREIRO


MEMBRO DA

AIND