Conta Loios
rostos.pt
PESQUISAR     
    HOME  |   FICHA TÉCNICA   |   ESTATUTO EDITORIAL   |   EDIÇÃO IMPRESSA  |   NEWSLETTER  |    RSS  |    TWITTER  |    FACEBOOK  
INFERÊNCIAS
Horóscopos Diários
Dia 24 de Junho 2018
Por Maria Helena


Rosto da Semana – Barreiro
Sara Ferreira – palavra dada é palavra honrada


A(nota)mento - Barreiro
Evocação do cidadão Alcino Monteiro


Por dentro dos dias – Barreiro
Liberdade rima com Dignidade


Inferências
Barreiro a necessidade de pensar em conjunto
– a fábrica e a cidade!


COLUNISTAS
A Leste Nada de Novo
Por Nuno Santa Clara
Barreiro


Estou chateado!
Por Carlos Alberto Correia
Barreiro


É falta de educação não responder às perguntas ou não cumprir o que se promete
Por Nuno Cavaco
Moita


O Barreiro está um pouco mais pobre!
Por Nuno Banza
Barreiro


MONTIJO - AGIR NO PRESENTE,PREPARAR FUTURO
Por José Caria


BASTIDORES
Nuno Magalhães deputado do CDS-PP eleito pelo círculo de Setúbal
Visitou os postos da GNR na Trafaria em Almada e em Paio Pires no Seixal


Moita - O edifício tem de estar à altura do serviço que nele se presta
PS RECLAMA DIGNIFICAÇÃO DA BIBLIOTECA DO VALE DE AMOREIRA


Moita - Pavilhão Desportivo da Escola Secundária da Baixa da Banheira
Verdes Exigem a Construção


ENTREVISTA
Barreiro - Naciolinda Silvestre, Presidente da União de Freguesias de Palhais e Coina
«Uma freguesia que dá qualidade de vida a quem cá está»


Barreiro - Isabel Ferreira, Presidente da Junta de Freguesia de Santo António da Charneca
«Não quero que a minha freguesia seja uma freguesia peri


AS EMPRESAS
Serviço de Praias TCB 2018 - Transportes Colectivos do Barreiro
Início dia 30 de Junho


Novas fardas dos funcionários dos Transportes Colectivos do Barreiro
Apresentação de Livro dos TCB


DESPORTO
Ribeirinho da Baixa da Banheira venceu Forum Barreiro Night Run 2018
Ana Correia e Marco Tavares os vencedores individuais


Passeio Informal do Barreiro no dia 24 de junho
Dirigido ao público em geral


Torneio de Minibasquete do GDESSA - Barreiro
150 meninas encheram Pavilhão Municipal


Associação de Basquetebol de Setúbal organiza no Barreiro
Torneio Distrital de 1x1 e lance livre de sub14 masculinos e femininos


Barreiro - Ginastas da Associação Trampolins Fabriltramp
Ana Renata Paulino e Raquel Solposto em 3º. lugar nacional


Moita - Ginastas do GAC da Baixa da Banheira
Campeãs Nacionais em Trampolim Individual.


PERSONALIDADES
Barreiro - Faleceu Cardoso Ferreira
Antigo deputado municipal eleito pelo Partido Socilaista


AS ESCOLAS
Setúbal - Colocar os estudantes em contacto com o seu futuro contexto profissional
Escola Superior de Saúde apresenta projetos de intervenção c


Conselho Municipal de Educação do Barreiro
Toma posse para o quadriénio 2018-2021


Barreiro - Escola Profissional Bento Jesus Caraça
Aula com a Fotografa Vera Marmelo.


REPORTAGEM
Barreiro - Conversa à Mesa com Marta Baeta um encontro com sabores do Quénia
Uma favela onde residem cerca de 2 milhões de pessoas


Barreiro - Plataforma Cívica BA6 - Montijo Não
Vai avançar com petição para o tema ser debatido nas Assembleias Municipais


Moita - Festas Populares da Baixa da Banheira em honra de São José Operário
«Seremos visitados por cerca de 30 mil pessoas»


Barreiro – Coral TAB e Russkii Klub
Uma noite com ritmo e a perfeição da «simbiose» entre as vozes e a dança


Barreiro - Um dia não é suficiente para visitar e ver todas as obras da 9ª Colectiva de Artes
Mais de 120 obras dos alunos de Casquilhos


Barreiro - Por fim às indignas condições de trabalho
Esta não devia ser uma preocupação do século XXI


Centro de Formação de Professores Barreiro – Moita
Vai ter professor destacado para desenvolver o trabalho da autonomia curricular


«Os Mistérios do Sexo» pelo Teatro de Ensaio do Barreiro
Como através do sorriso é possível pensar o mundo e a vida


Barreiro - «Jogo de Massacre» uma peça que é ArteViva
Um espectáculo onde a morte afirma-se com um grito à vida.


MOLDURA
Concerto com Miguel Gameiro no Barreiro
Espetáculo «MARIA» dedicado à figura da mulher


Encontro com Energia na Baixa da Banheira - Moita
COMO GERIR E POUPAR ENERGIA?


Passeio de Bicicletas Antigas do Barreiro
Inscrições gratuitas.


Barreiro - 20º Concurso de Gastronomia Ribeirinha
Tendo como base produtos originários ou característicos dos rios Tejo e Coina


No Largo do Mercado Municipal 1º de Maio - Barreiro
Mundial de Futebol 2018 em Ecrã gigante


Barreiro - Mata da Machada vai voltar a estar protegida por jovens voluntários
Colaboração de cerca de 50 jovens na deteção precoce de eventuai


AUTARQUIAS
Moita - Candidatura à inscrição no Património Cultural Imaterial da UNESCO.
Técnicas de embarcações do estuário do Tejo no Estaleiro Naval de


Transportes Colectivos do Barreiro
Apresentam Livro e novas fardas em dia simbólico para os TCB



Barreiro - Novo Balcão Único na Rua Teresa Borges
Obra de adaptação inicia a 25 de junho


BARREIRO - CONDICIONAMENTO / CORTE DE TRÂNSITO
Na Avenida do Bocage a partir de 21 de Junho


Câmara Municipal do Barreiro assina protocolo com escolas
Atribuição dois manuais escolares a todos os alunos que estudam e residem no Concelho


ORGANIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DO MUNICIPIO DO BARREIRO
Um dos temas da reunião da Assembleia Municipal em Coina


Transportes Colectivos do Barreiro
Alteração de Horários
. Período de Férias Escolares


OPINIÃO
Fazer a diferença
Hélder Leal Rodrigues
Barreiro


Vamos ocultar a nossa história?
Por Luís Murilhas
Barreiro


Gerir o medo
Por Sandra Pereira
Barreiro


O AÇAMBARCAMENTO DA OSTOMIA
ASSOCIAÇÃO NACIONAL DAS FARMÁCIAS E O BUSINESS DA OSTOMIA
Por Vitor Bento Munhão
Barreiro


A evolução tecnológica e o risco das fake news
Por Carlos Aguiar
Barreiro


Aproximadamente 22% da população portuguesa sofre de Rinite Alérgica.
Por Cândida Bizarro, Inês Ribeiro e Maria Inês Silva
Barreiro


PATRIMÓNIO INDUSTRIAL COMO GERADOR DE CONHECIMENTO
Por Leal da Silva
Barreiro


ASSOCIATIVISMO
Moita - Sessão Pública na Baixa da Banheira
Sobre o estado de degradação da saúde pública na Baixa da Banheira


Moita - 47ª Feira do Livro de Alhos Vedros
No Largo do Coreto de 28 de Junho a 1 de Julho


Moita - Ginásio Atlético Clube da baixa da Banheira
Comemorações do 80º Aniversário


CULTURA
Barreiro - Ministro da cultura visita a exposição da Ephemera
«O que faz falta é agitar a Malta» no parque empresarial da Baía do Tejo


Associação Barreiro – Património,Memória e Futuro considera um crime
Câmara Municipal arrasou o Moinho Pequeno


LIVROS
«Histórias do Advento» de Susana Talete do Barreiro
Da escrita diária sobre a realidade..ao mundo da fantasia partilhada


POSTAIS
«Uma viagem pelo Barreiro – TCB 60 anos - 1957 -2017» de Bruno Vieira Amaral
Um livro para sentir e pensar o concelho de ontem, de hoje e do fu


Instalação de Posto de Gás Natural nos Transportes Colectivos do Barreiro
Proposta aprovada por unanimidade


Barreiro - Aprovada por unanimidade proposta de aquisição
de 60 autocarros a gás natural comprimido para os TCB


Imortalizar património do Barreiro com fotografias de qualidade
Exposição «Lugares com história-Barreiro»


Barreiro – Reconstrução do Moinho Pequeno arrancou como ‘vem de trás’
Avança estudo para praia interior na Caldeira do Moinho Grande


Moita – Festas Multiculturais do Vale da Amoreira
Música, Dança. Gastronomia, Exposições, Artesanato e Animações Culturais


EUROPA
Orçamento da União Europeia
Comissão Europeia propõe investir 9,2 mil milhões de EUR no primeiro programa digital de sempre


Comissão Europeia publica relatório
sobre a aplicação da Carta dos Direitos Fundamentais na União Europeia em 2017


colunistas rostos.pt - o seu diário digital

«Me Too», Assédio e oportunismo
Por Carlos Alberto Correia
Barreiro

«Me Too», Assédio e oportunismo<br />
Por Carlos Alberto Correia<br />
BarreiroQuanto me recordo foi assediado, em toda a vida, duas vezes. Bem, não fiquem com esse ar espantado - como deve ter ficado o Deputado Morgado quando ouviu, de Natália Correia o poema do Truca-truca - porquanto uma coisa é ser requestado (o que é ótimo) outra, bem diferente, é assediar ou ser assediado.

Voltemos, porém, à afirmação inicial desta crónica. A primeira vez foi, quantos e quantos anos já passaram, quando no Metro, uma atriszeca, ao tempo em auge de fama, pequena de corpo como, mais tarde revelou, também o ser de espírito (e não esperem que divulgue o nome pois não tenho vontade nenhuma de, além de vítima de assédio sê-lo ainda de processo judicial) tentou, entre o Saldanha e a Avenida, uma visível aproximação com o ego. Começou por uns sorrisos, os quais creio considerava sedutores e a mim só pareciam repugnantes, a que não correspondi, desviando, inclusive, o meu olhar da pessoa. Se tivesse o conhecimento, que hoje tenho, de tal ser, perceberia ser essa atitude incompreensível para ela. No íntimo, talvez convencida pela fugaz notabilidade obtida, pensaria só poder ficar agradecidíssimo pela sua atenção. Por isso abandonou o lugar onde se sentava, deslocou-se para o varão onde procurava equilibrar-me, dirigiu-me uns piropos (para mim situação inédita) a deixarem-me incomodado não pelo inédito da situação, sim pela falta de hábito. Perante o meu assombro, aproveitando o tombolear da carruagem, uma das suas mãos, acompanhada de palavras pretensamente sugestivas, colocou-se sobre a minha e, para afastar quaisquer dúvidas, a outra veio, em sugestivo apertão, enclavinhar-se-me nos glúteos – forma airosa para não escrever, na crónica, rabo. Nunca, em nenhuma das situações lhe dei assentimento às manobras, sempre lhe demonstrei, com evasões e semblante, o quanto estaria desagradado. A nada ligou até que, em desespero de causa, olhando-a de cima para baixo, lhe sussurrei, cresça e vote na CDE (ao tempo estávamos em campanha eleitoral), abandonando o Metro nessa mesma estação.

A segunda vez passa-se no escurinho do cinema. Embrenhado no filme fui retirado do fascínio por uma leve pressão do braço por alguém que compartilhava comigo o amparo lateral direito da cadeira. Olhei! Um homem de meia-idade, fixado no ecrã fazia parecer casual o ligeiro toque. Descontraí! Pouco depois o braço chegava-se mais e a mão descaía ligeiramente para a minha perna. Aí, já sem dúvidas, murmurei-lhe ter pago um bilhete para uma cadeira inteira e que se não se apercebesse da fronteira que tal representava e estava a ser violada, se arriscava a ter de ir ao hospital para reparação do intrusivo braço. Pouco depois desandou e foi sentar-se umas filas atrás.

E pronto! Por aqui ficaram as cenas de assédio, de que me dei conta, a que fui submetido e garanto não me acusar a consciência de alguma vez o ter feito a alguém.
Considero que a escolha mútua de dois parceiros são o que de mais belo, grácil, poético, enformador de vida pode acontecer-nos. É um momento mágico aquele em que a escolha e o assentimento são produzidos. Enriquecem-nos enquanto seres humanos, enquanto portadores/dadores de afetos, enquanto gente que se escolhe e acolhe. Estamos entendidos?

Direi também que qualquer pessoa, violentada nos seus quereres e aceitações, tem o absoluto direito de denúncia e reposição. Já me “encaganita” o bestunto o facto de, na esteira de gente corajosa e de iniciativa, uns quantos oportunistas tentarem cavalgar a onda, procurando créditos imerecidos para os mais esconsos fins.

Quando apareceram as primeiras denúncias, no caso Weinstein, o mundo, hipocritamente, abriu a boca de admiração e escândalo, como se não soubesse, há décadas, como as carreiras se faziam na Meca do cinema – e não só aí - mas em toda a parte onde os percursos se constroem e dependem de gente (homens ou mulheres, embora em proporções diferentes) com poderes para tal.

Admito mesmo que alguém, sentindo-se violentado, por míngua de escolhas, possa ter encolhido a dignidade, aceitado com repulsa a imposição e, só muitos anos depois, livres do poder que o submeteu, tomasse a coragem necessária à denúncia tardia, mas vigorosa. Penso, também, que em certas coisas mais vale tarde que nunca. O que não aceito é a torrente oportunista que daí decorre. O exagero! Só para me referir a Hollywood, saliento a caterva de estrelas em perigeu e ansiosas candidatas a acorrerem ao movimento, na busca de um pouco de holofote sobre elas. É agoniativo e conduz, no limite, às barbaridades de quebras de espontaneidades e romance, em troca de contrato revisto por advogados a atestarem o que, como e quando, cada casal pode comportar-se ao efetivar as suas relações.

Igualmente degradante é quando outras estrelas – na maior parte europeias – relembradas da dura e longa luta de libertação sexual apontam outros caminhos, serem ofendidas por algumas furiosas dramáticas, de um feminismo de sinal semelhante ao machismo dominador –acusando-as de serem perpetuadoras da submissão feminina. É triste! É fundamentalista e todos os fundamentalismos são perigosos e autoritários. Entre eles aqueles que, vindos da Igreja, apelam ao consentimento de não se consentir sexo entre casais de segundas núpcias.

Tanta estupidez e oportunismo provocam-me um nó no estômago deixando-me em acentuado risco de incivilizado vómito.

Carlos Alberto Correia





10.02.2018 - 23:28
Imprimir   imprimir

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Partilhar: partilhar no facebook  TwitThis  digg it  Google Bookmark  Technorati  guardar link no del.icio.us 

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital

comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

rostos.pt - o seu diário digital

envie o seu comentário

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital





rostos.pt - o seu diário digital

Pesquisar outras notícias no Google

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Design: Rostos Design. Fotografia e Textos: Jornal Rostos.
Copyright © 2002-2018 Todos os direitos reservados.

PUB.

PUB.

PUB.

REVISTA ROSTOS

PUB.

PUB.

ROSTOS APOIA

PUB.

DAMOS ROSTOS ÀS CIDADES

DIVULGAÇÃO

EDIÇÃO IMPRESSA


OUTRAS EDIÇÕES

  

  

VIDEOS ROSTOS

CANAL ROSTOS NOS VIDEOS SAPO


LIGAÇÕES

MARTA SOUSA PEREIRA Photography


ENTRE TEJO E SADO - BLOG SAPO LOCAL


SAPO LOCAL


GOOGLE NEWS - BARREIRO


JORNAIS E REVISTAS


CAMARA MUNICIPAL DO BARREIRO


CAMARA MUNICIPAL DA MOITA


BLOG DEDICADO A LAURA SEIXAS


ARTBARREIRO.COM


BANDA MUNICIPAL DO BARREIRO


MEMBRO DA

AIND