Conta Loios
rostos.pt
PESQUISAR     
    HOME  |   FICHA TÉCNICA   |   ESTATUTO EDITORIAL   |   EDIÇÃO IMPRESSA  |   NEWSLETTER  |    RSS  |    TWITTER  |    FACEBOOK  
INFERÊNCIAS
Horóscopos Diários
Dia 22 de Outubro 2018
Por Maria Helena


Inferências
Quinta Braamcamp – aqui começa o Barreiro do século XXI


Rosto da Semana – Barreiro
Carlos Humberto – uma referência num processo histórico


Por dentro dos dias - Barreiro
Basta um sorriso!


A(nota)mentos
IPS no pensar e ser Barreiro no século XXI


Inferências – Barreiro
Quais as marcas dos mandatos autárquicos? (III)


Inferências – Barreiro
Quais as marcas dos mandatos autárquicos? (II)


Inferências - Barreiro
Quais as marcas dos mandatos autárquicos ? ( I)


COLUNISTAS
Prevenir ou remediar?
Por Jorge Fagundes
Barreiro


Polvo Unido
Por Nuno Santa Clara
Barreiro


A UBER AGRADECE
Por Carlos Alberto Correia
Barreiro


A Retribuição Mínima Mensal Garantida
José Caria
Montijo


É falta de educação não responder às perguntas ou não cumprir o que se promete
Por Nuno Cavaco
Moita


O Barreiro está um pouco mais pobre!
Por Nuno Banza
Barreiro


BASTIDORES
Um ano de mandato autárquico no concelho da Moita
CDU prestou contas do trabalho realizado e perspectivou o trabalho futuro


JP Barreiro questiona Centro Hospitalar Barreiro Montijo
Sobre acesso indevido aos processos clínicos dos utentes


Jantar Comemorativo do primeiro ano de mandato
do Partido Socialista na Câmara Municipal Alcochete.


Barreiro - Na Casa Sindical dos Ferroviários
PCP promove debate sobre a Quinta do Braamcamp


Passagem de um ano de mandato das últimas eleições autárquicas
Partido Comunista Português vai realizar iniciativas no concelho da Moita


«Vamos ver se existe abertura do PS para que possamos chegar a um consenso»
PSD disponível para viabilizar orçamento da CMB mediante inclusão d


ENTREVISTA
Frederico Rosa, presidente da Câmara Municipal do Barreiro
«Quem está nestes lugares sofre muitos ataques pessoais, sofre muitos ataques cobard


«Atelier Digital» um projecto da Google no IPS em Setúbal
Desde o seu lançamento já formou mais de 42 mil portugueses.


Durval Salema, PAN – Pessoas – Animais – Natureza
Desenvolver o conceito «Barreiro – uma cidade amiga das crianças»


Barreiro - Francisco Alves do Bloco de Esquerda
Há confronto excessivo, para não lhe chamar guerrilha, entre a actual e a anterior maioria


Barreiro - JPAC cantautor vive a música com paixão
«A música é um sonho meu de criança»


AS EMPRESAS
Transportes Colectivos do Barreiro
ALTERAÇÃO PROVISÓRIA DE PERCURSOS
Carreiras 6, 9, 149 e 150


Na Quinta da Margueira em Almada
1º Fórum Empresarial da AISET- Associação da Indústria da Península de Setúbal


DESPORTO
Pela primeira vez no Concelho do Barreiro
Gala da Associação de Atletismo de Setúbal


Escola de Patinagem do Grupo Desportivo Fabril do Barreiro
Conquista 1º lugar na 35ª Seixalíada


AS ESCOLAS
Agrupamento de Escolas Augusto Cabrita - Barreiro
Professores e alunos participaram num encontro realizado na Roménia


Setúbal - Nova edição do curso científico no auditório nobre do IPS
Politécnico de Setúbal forma voluntários no combate ao VIH/SIDA


Alunas do Agrupamento de Escolas de Álvaro Velho - Barreiro
Participaram nas VI Jornadas de Arte & Ambiente


Francisco Banha encerra conferência sobre empreendedorismo
5.ª Inspira Barreiro recebe o mais ativo «business angel» português


Moita - Flexibilidade e Autonomia Curricular ETPM
Conhecer os produtos é essencial em Cozinha


Barreiro - Cerca de 250 docentes e não docentes
Participaram na Receção à Comunidade Educativa


REPORTAGEM
Barreiro - 10 ª edição da Marcha Solidária
O cancro da mama tem que ser cada vez mais uma luta de todos e com todos


Barreiro - Quinta do Braamcamp é «uma pérola única»
Com a compra pelo município foi retirada do mercado imobiliário


Barreiro - «Memórias do Meu Rio» de Lina Soares
Um encontro entre a história, a poesia e a fotografia


Barreiro / Moita – Nova Rotunda dos Fidalguinhos
O concurso para a obra será lançado antes do Verão


Avenida da Praia no Barreiro vai sofrer muito ruído
Baixa da Banheira e Lavradio vão receber impactos entre 70 a 90 decibéis


Barreiro - Requalificação do Polidesportivo da Avenida Bento Gonçalves
Uma demolição que foi uma oportunidade


Requalificação do Clube de Vela do Barreiro
«Acabamos de assinar uma parceria entre o Governo e uma associação»
. Candidatura no valor d


Frederico Rosa, presidente da Câmara Municipal do Barreiro
«Todos estamos cá para levar Santo António para a frente»


No Rotary Clube do Barreiro conversa sobre «From Kibera with Love»
Projecto de Turismo Social à maior favela do mundo


Espaços vazios e ao abandono nas cidades são tema de investigação académica
Barreiro é um dos casos de estudo


Barreiro está a mergulhar numa depressão nocturna
Actividade nocturna tem que fazer parte da cidade


MOLDURA
Moita - Fórum Cultural José Manuel Figueiredo na Baixa da Banheira
«Coleção de Amantes» de Raquel André


Na Igreja de Nossa Senhora do Rosário - Barreiro
CONCERTO DE CANTO E ÓRGÃO com a participação do CORAL CANTATA VIVA


Programação de Cinema no Forum Barreiro
ASSIM NASCE UMA ESTRELA continua em cartaz


Barreiro - No Quartel dos Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste
Jantar de Solidariedade com o actor António Cordeiro


Barreiro - Jornadas de Enfermagem do ACES Arco Ribeirinho
Com o lema «Plano Local de Saúde - Contributos de Enfermagem»
. Alcochete, Mon


Jornadas do Património Cultural do Barreiro 2018
Ano Europeu do Património Cultural


AUTARQUIAS
Encostas do Castelo de Palmela
Intervenção já está no terreno


Tianjin da China primeira cidade asiática a geminar-se com Setúbal
Setúbal incumbida de elaborar proposta de acordo de geminação


Lançar um novo desafio à cidade na área da restauração
Criação do selo «Setúbal Saudável»


Moita - No Gaio-Rosário
Reunião pública da Câmara Municipal


Moita - União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira
Lamenta que ministro da saúde tenha saído do cargo sem cumprir as promessa


Barreiro - Reservatório do Antigo Lavadouro na Rua José Augusto Pimenta
no final de outubro começa demolição
. Duração prevista de 30 dias.


Associação de Municípios do Barreiro e da Moita
Não se revê no texto de opinião da coordenadora da Quinta do Mião


OPINIÃO
A DEFESA DOS DIREITOS E PROMOÇÃO DE QUALIDADE DE VIDA DO OSTOMIZADO UM NEGÓCIO DE DÚVIDAS
Por Vitor Bento Munhão
Barreiro


Direito à indignação perante a postura de alguns membros do PS Moita
Por Rogério Paulo Gonçalves dos Santos
Moita


FAÇA-SE LUZ
Por Rui Lopo
Barreiro


Pela Valorização das Assembleias Municipais
Por Pedro Vasconcelos Almeida
Barreiro


Como melhorar a nossa Automotivação?
Por Sandra Pereira
Barreiro


ASSOCIATIVISMO
Moita - Baixa da Banheira «Jamboree on the Air»
Reúne mais de trezentos escuteiros no fim-de-semana


Rotary Clube do Barreiro
Vai atribuir bolsas de estudo a alunos do Ensino Superior


Escuteiros adultos de Santo André-Barreiro
Fim-de-semana de limpeza na Serra da Arrábida


Inauguração da nova sede dos Escoteiros Grupo 264 Barreiro
Um espaço no Convento dos Loios no Lavradio


Moita - Centro dos Reformados e Idosos da Baixa da Banheira
Projeto CRIBB galardoado com prémio BPI Seniores 2018


LIVROS
Álvaro Giesta poeta do Barreiro
Apresenta «O Sereno Fluir Das Coisas»


Moita - No Café-Concerto do Fórum Cultural na Baixa da Banheira
Lançamento do livro «Contos e Cantos do Rio e do Mar»


POSTAIS
Património ferroviário é uma marca da identidade do Barreiro
CP está contra processo de classificação que «estava bem encaminhado»


Na Cooperativa Cultural Popular Barreirense - Barreiro
Exposição de fotografia de Rui Aleixo


Pedro Canário, ex- presidente da CM Barreiro
Quinta do Braamcamp é o nosso «património paisagístico natural»


Barreiro - E esta, hem!!
Três pilaretes na entrada de uma passadeira de peões


Barreiro - 33 anos de constituição da Freguesia de Santo António da Charneca
MEMÓRIA instrumento fundamental à IDENTIDADE


Barreiro - Agressor de mulheres na via pública
Se uma sociedade não dá resposta a um caso destes, estamos a falhar


Novo paradigma de transportes públicos na Área Metropolitana de Lisboa
Hoje é um dia histórico sublinhado na reunião da CM Barreiro


Barreiro - 2ª edição do Laboratório Colaborativo CO.LAB
Potenciar a educação para a cidadania.


Grupo de Teatro Projéctor – Barreiro
«Ano após ano a luta pelo desengano»


Assessoria para a Comunicação Social
Custa à Câmara Municipal do Barreiro 4.500 euros mensais


Crónicas do Algarve
Acerca de camaleões, de muxamas, de polícias e de laranjas


EUROPA
Comissão Europeia regista a iniciativa
«Acabar com a fome que afeta 8 % da população europeia»


Comissão Europeia regista iniciativa
sobre «Cidadania Permanente da União Europeia»


inferências rostos.pt - o seu diário digital

Por dentro dos dias – Barreiro
Vivemos ainda, nos dias de hoje, no «fundo da gaveta»

Por dentro dos dias – Barreiro<br />
Vivemos ainda, nos dias de hoje, no «fundo da gaveta»<br />
No dia que o Poder Local, seja ele qual for, descobrir que o associativismo não é para ser controlado, subjugado, dominado, silenciado, e, que, acima de tudo, são espaços de liberdade de promoção da cidadania – são largos da terra onde se faz cidade – dará um passo em frente significativo para a construção de uma vida mais democrática...

Uma das minhas recentes leituras foi o livro «O fundo da gaveta – Contra Revolução e Radicalismo no Portugal Moderno», de Vasco Pulido Valente, onde o autor faz uma abordagem histórica do processo de arranque, desenvolvimento e construção da Monarquia Constitucional, no século XIX.
Da contra revolução de 1823-1824, passando pela Vilafrancada, pela Abrilada, Brasil e «Janeirinha», até ao que define como o caos radical de 1868-1870, esta obra permite-nos viver o pulsar de um tempo que marcou de forma incisiva a “cultura” de Portugal, com reflexos nos dias de hoje e, certamente, que irá continuar a ser uma marca da nossa «consciência» colectiva – os jogos políticos inferidos pelas dinâmicas de um «centrão», seja «arco de governação», seja outra coisa qualquer; a austeridade, ora imposta por regimes autoritários, ora por exigências de compromissos internacionais; as indefinições estratégicas de desenvolvimento territorial, avançando apenas aquelas que resultam de interesses económicos de grupos nacionais ou destes com as suas relações internacionais – seja ferrovia ou rodovia; os cortes primeiros para equilibrar orçamentos que passam pelos apoios às actividades culturais, em suma, um país centrado no estado e nos jogos em torno do seu aparelho – nacional, regional ou municipal.

Esta foi uma leitura que me entusiasmou porque, desde há muitos anos, tenho sentido um interesse especial por obter informação sobre esses anos de 1867 – 1870, datas que são referência na história do movimento associativo do concelho do Barreiro.
Desde sempre tenho defendido que a criação das Filarmónicas no século XIX, tendo a música como leit motiv, não era esse o objectivo principal que motivava as suas fundações, na origem estavam, isso sim, as motivações politicas da época, a necessidade de consolidar bases sociais de apoio com o objectivo de mobilizar para os apoios aos partidos políticos dominantes – Históricos e Regeneradores – quer em eleições para o «Parlamento», quer em eleições Municipais.
Esta leitura permite concluir, com mais convicção, essa realidade sociológica.

No dia de hoje, 7 de Agosto, no ano de 1870, na vila do Barreiro, ainda terra de pescadores, de actividade agrícola, e porto de passagem de mercadorias da margem sul para a margem norte, onde a cultura ferroviária dava os primeiros passos e se anunciava a chegada das fábricas de cortiça, nascia a Filarmónica que, hoje, conhecemos por SIRB «Os Penicheiros», era a segunda cisão da Sociedade Filarmónica Barreirense, dias antes, no dia 4 de Agosto, tinha acontecido a primeira cisão formando-se a Banda Marcial Capricho Barreirense – hoje conhecida por SDUB «Os Franceses».
Estas duas Filarmónicas, nascidas de uma cisão da anterior Sociedade Filarmónica Barreirense, fundada em 1848, são o resultado de conflitos políticos da época, dos dois partidos de referência – a SIRB «Os Penicheiros», ligada ao Partido dos Regeneradores, que tinha como grande figura nacional o Conde de Peniche, e, a SDUB «Os Franceses», ligada ao Partido Históricos.
De referir que a SFAL – Sociedade Filarmónica Agrícola Lavradiense, tinha a sua ligação politica ao «Partido dos Regeneradores», tendo sido eleito D. José Carcomo Lobo, vereador da Câmara Municipal do Barreiro, pois, entretanto tinha sido extinto o concelho do Lavradio.

Esta realidade de duas diferentes correntes de pensamento a influenciar a vida associativa na «vila do Barreiro» é inscrita nas suas memórias ao longo de décadas, e, separando-se por diferenças politicas ideológicas.
Por exemplo, há o registo que a Banda da SIRB «Os Penicheiros», em 1911, terá sido a primeira banda a tocar em Portugal a «Internacional», no decorrer da celebração do 1º de Maio, em Setúbal.
Outra referência, pode ser registada, o facto de a Banda da SDUB «Os Franceses» ter sido a banda que, em Lisboa, acompanhou o funeral do Presidente da República António José de Almeida, figura história de referência da 1ª República.

Recordo tudo isto para sublinhar que, por todas estas razões históricas, ainda temos um longo caminho a percorrer nesta aprendizagem de «fazer associativismo», sem que nele estejamos como quem está na luta politica partidária, porque, de facto, o associativismo está, ao nível cultural, numa dimensão de acima das guerrilhas politicas e ideológicas de carácter partidário.
Aprendi a viver o associativismo como espaço de liberdade e de vivência da cidadania, um espaço de respeito pelas diferenças, um espaço cultural que faz de cada associativista que esteja acima dos jogos partidários – homens e mulheres de corpo inteiro.
Isto não significa não ter partido ou não ter opções religiosas, significa isso e apenas isso – uma associação é um espaço de cidadania, de valorização de interesses comuns, porque, afinal, fazer ginástica, aprender música, combater a solidão, são causas de todos, sejam quais forem as suas opções politicas ou religiosas.

No dia que o Poder Local, seja ele qual for, descobrir que o associativismo não é para ser controlado, subjugado, dominado, silenciado, e, que, acima de tudo, são espaços de liberdade de promoção da cidadania – são largos da terra onde se faz cidade – dará um passo em frente significativo para a construção de uma vida mais democrática, um tempo novo, marcado com uma visão de futuro inovadora e revolucionária – aquela revolução que transforma e faz nascer cidadãos livres, dando sentido, talvez, nos dias de hoje, a ideais históricos de Liberdade, Fraternidade e Igualdade.
Os cidadãos que tendo partido ou religião, sabem e sentem que há mais vida para além da política, dos partidos e da sua religião.
Mas, infelizmente, isto é utopia, porque vivemos ainda, nos dias de hoje, no «fundo da gaveta».
Foi pensando em tudo isto, que me diverti a ler e fiquei deliciado com a história e estórias que descobri na obra de Vasco Pulido Valente, no fundo, bem no fundo da gaveta.

António Sousa Pereira

07.08.2018 - 12:11
Imprimir   imprimir

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Partilhar: partilhar no facebook  TwitThis  digg it  Google Bookmark  Technorati  guardar link no del.icio.us 

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital

comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

rostos.pt - o seu diário digital

envie o seu comentário

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital





rostos.pt - o seu diário digital

Pesquisar outras notícias no Google

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Design: Rostos Design. Fotografia e Textos: Jornal Rostos.
Copyright © 2002-2018 Todos os direitos reservados.

PUB.

PUB.

PUB.

PUB.

REVISTA ROSTOS

PUB.

PUB.

ROSTOS APOIA

PUB.

DAMOS ROSTOS ÀS CIDADES

DIVULGAÇÃO

EDIÇÃO IMPRESSA


OUTRAS EDIÇÕES

  

  

VIDEOS ROSTOS

CANAL ROSTOS NOS VIDEOS SAPO


LIGAÇÕES

MARTA SOUSA PEREIRA Photography


ENTRE TEJO E SADO - BLOG SAPO LOCAL


SAPO LOCAL


GOOGLE NEWS - BARREIRO


JORNAIS E REVISTAS


CAMARA MUNICIPAL DO BARREIRO


CAMARA MUNICIPAL DA MOITA


BLOG DEDICADO A LAURA SEIXAS


ARTBARREIRO.COM


BANDA MUNICIPAL DO BARREIRO


MEMBRO DA

AIND