Conta Loios

inferências

BARREIRO - ROSTO DO ANO 2019
PLATAFORMA BRAAMCAMP É DE TODOS – a cidadania activa valoriza a cidade

BARREIRO - ROSTO DO ANO 2019<br>
PLATAFORMA BRAAMCAMP É DE TODOS – a cidadania activa valoriza a cidade O Movimento Cidadão "Braamcamp é de Todos!" marcou o debate sobre o território do concelho quer numa dimensão ambientalista, quer cultural – valorizando a história, os temas relacionados com as alterações climáticas, a gestão do território, zonas ribeirinhas, o lazer e a paisagem.
O Movimento Cidadão "Braamcamp é de Todos!" inscreveu seu nome na história da vida politica, ecológica, associativa, cultural e acção civica neste começo do século XXI.

Perante a vontade expressa do executivo municipal optar pela venda da Quinta Braamcamp, património municipal adquirido pelo anterior executivo, gerou-se um movimento de cidadania que deu origem a diferentes grupos informais de oposição a esta decisão da Câmara Municipal do Barreiro.

Os cidadãos que se opunham à venda da Quinta de Braamcamp foram promovendo as mais diversas acções visando sensibilizar a opinião pública para a importância daquele território do ponto de vista ambiental, gestão do território, zonas ribeirinhas, cultural, lúdico, económico e paisagistico.
Foram realizados pequenas conversas, diversas iniciativas de sensibilização, foram promovidos debates com especialistas, com abordagem dos temas ao nível académico e cientifico.
Realizaram-se acções de protesto, intervenções em reuniões de Câmara e na Assembleia Municipal do Barreiro.
Os diversos movimentos e entidades que foram dando o seu contributo sobre esta temática decidiram a formação da «Plataforma Braamcamp é de todos», cuja linha de pensamento, numa primeira abordagem foi exprimir a oposição e manifestar opinião contra a Venda da Quinta do Braamcamp.

O Movimento Cidadão "Braamcamp é de Todos!" marcou a agenda politica local, assumindo uma dimensão politica acima dos partidos, tendo no seu seio pessoas de diferentes opções partidárias.
O Movimento Cidadão "Braamcamp é de Todos!" marcou o debate sobre o território do concelho quer numa dimensão ambientalista, quer cultural – valorizando a história, os temas relacionados com as alterações climáticas, o lazer e a paisagem. A história. O futuro.

Um movimento que seja qual for o resultado final deste processo, marcou a vivência da cidadania, afirmou a democracia, defendeu o direito à diferença, exigiu o respeito pelo diálogo – protestou, indignou-se, dialogou, debateu ideias.
Demonstrou que a democracia não se deve limitar ao acto de votar de quatro em quatro anos, assim como essa grande realidade que os partidos não são os donos da vida democrática, nem os gestores da cidadania.

O Movimento Cidadão "Braamcamp é de Todos!" inscreveu seu nome na história da vida politica, ecológica, associativa, cultural e acção civica neste começo do século XXI.
O Movimento Cidadão "Braamcamp é de Todos!" rotulado de partidário, na verdade, esteve sempre acima dos partidos, e, sublinhe-se, enquanto movimento, soube separar as opiniões partidárias que existem no seu seio, valorizando o direito à diferença.

Por todo o seu contributo no fazer democracia, no fazer cidade e cidadania, a distinção de ROSTO DO ANO 2019 é atribuida justa e merecidamente à Plataforma "Braamcamp é de Todos!".

25.01.2020 - 12:02

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2020 Todos os direitos reservados.