Conta Loios

inferências

Rosto da Semana
OBRIGADO Ricardo Araújo Pereira
. Barreiro terra da Liberdade!

Rosto da Semana <br />
OBRIGADO Ricardo Araújo Pereira<br />
. Barreiro terra da Liberdade! Neste domingo, na SIC o programa «Isto é Gozar com Quem Trabalha», de Ricardo Araújo Pereira, deu um contributo enorme para aquecer o coração de muitos barreirenses, aqui nascidos, ou que aqui tenham construído as suas vidas, trazendo de novo para as vivências da nossa memória colectiva a importância e o significado do 25 de Abril na nossa identidade colectiva.

Neste dia 25 de Abril de 2021, quando alguns até, de facto, já querem confundir as restrições resultantes do estado de emergência devido à pandemia, equiparando esses dias de confinamento com aqueles dias de prisões e torturas, de um regime tenebroso que governou Portugal durante cerca de 48 anos.

Neste dia de abril, do século XXI, Ricardo Araújo Pereira, convidou para o seu programa dois ex-presos politicos, dois barreirenses que sentiram as agruras da prisão, sentiram na pele a tortura e humilhação, em Caxias e em Peniche.
Álvaro Monteiro e Faustino Reis, ao contarem com humildade e com um sorriso, ao dizerem que, apesar do estado a que isto chegou, valeu a pena ter lutado pela Liberdade e pela Democracia, eles, de forma serena trouxeram, 47 anos depois de novo para a memória deste país, a força e a energia que marcou a identidade barreirense, que orgulhava os barreirenses, que netos tinham orgulho se recordar as lutas dos seus avós, esta terra de resistência, trabalho e luta.
Homens que lutaram por ideias e ideais. Homens que semearam esse orgulho de viver e fazer da politica algo de nobre, um valor que pode e deve contribuir para transformar e deixarmos um legado de um mundo melhor.
Homens e mulheres que num tempo que politica era uma palavra proibida não temiam a prisão, Antes preso que silenciados. A democracia conquista-se, a liberdade constrói-se, a democracia é o confronto de ideias. Foi o legado de gerações.
Nos tempos de hoje que se culpa a democracia de todos os males, que se culpa os que lutaram pela democracia como os culpados de todos os males.
Nos tempos de hoje que o Barreiro, fruto da sua desindustrialização, tem vindo a perder a sua autoestima, esta conversa com Álvaro Monteiro e Faustino Reis, gerou uma partilha de sentimentos nas redes socias, de barreirenses de diferentes opções politicas, para celebrar essa memória colectiva e sentir orgulho nos nossos heróis.

É por tudo isto, por Ricardo Araújo Pereira ter dado um contributo importante para um reencontro com a nossa história e com as nossas memórias que agradeço, registo, porque fez-me sentir orgulho da terra dos meus filhos e da minha neta, esta terra Barreiro, onde a Liberdade sempre rimou com solidariedade – esse calor humano que nascia na fábrica e se propagava na sua vida associativa, na cultura, no desporto, na acção politica.
O Barreiro um exemplo de Abril. Foram mil, muitos mil que, aqui, nesta terra Barreiro lutaram por Abril e pela Liberdade. Eles lá longe onde estão, de certeza que sorriram e gostaram de sentir o orgulho barreirense a cantar e viver Abril.
Obrigado Ricardo Araújo Pereira. aqui fica o registo e merecidamente a nossa distinção de Rosto da Semana.

António Sousa Pereira


26.04.2021 - 00:23

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2021 Todos os direitos reservados.