Conta Loios

inferências

A(nota)mentos
Porque o esquecimento mata a memória
Um homem da SIRB e do Barreiro que escreveu história do associativismo

A(nota)mentos <br />
Porque o esquecimento mata a memória<br />
Um homem da SIRB e do Barreiro que escreveu história do associativismo Por isso escrevo este texto – Contra o Esquecimento – e para recordar que foi na presidência de Dourada Mendes que se realizou, no ano de 1993, em Almada, após o 25 de Abril, 1º Congresso Nacional das Colectividades de Cultura e Recreio e Desporto, onde foram lançadas as sementes para que, no futuro, nascesse a Confederação das Colectividades.

Na primeira página do JL desta quinzena, li o título – Contra o esquecimento - palavras do escritor Mia Couto, essa frase ocorreu-me ao pensamento no decorrer da recente Sessão Solene dos 151 anos da SIRB «Os Penicheiros» quando o Presidente da Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto, salientou o papel e o contributo da SIRB «Os Penicheiros» na dinamização de uma estrutura de 1º grau do movimento associativo português, nomeadamente na criação da Federação Portuguesa de Colectividades de Cultura e Recreio, que veio a integrar a actual Confederação.

Foi referido que em 1924, a SIRB, foi a única colectividade da margem sul que se junto a mais 45 ao nível nacional para constituir a Federação.
Foi recordado que na década 60, José Manuel Mendes, da SIRB, assumiu a presidência da Mesa da Assembleia Geral, da Federação.
Foi lembrado que entre 1999 e 2004, Carlos Carvalho, da SIRB, assumiu a presidência da Mesa da Assembleia Geral.
Referiu-se que Eduardo Espirito Santo, da SIRB, foi um impulsionador da Federação Distrital de Setúbal de Colectividades e da Associação de Colectividades do Barreiro.

Escutei e considerei justo que a memória não esqueça os dirigentes que deram contributos importantes para a valorização e desenvolvimento desta causa civica, solidária e humanista.

Mas, de facto, as palavras de Mia Couto, rasgaram o meu pensamento porque, ao ver evocados todos estes nomes, recordei Dourada Mendes, cidadão «Barreiro Reconhecido» na área do Associativismo, ex-presidente da Federação Portuguesa das Colectividades de Cultura e Recreio, e, também ex-presidente da Direcção da SIRB «Os Penicheiros».

Não sei se foi em representação da SIRB «Os Penicheiros» que assumiu a presidência da Federação, mas, senti no meu coração que o seu nome devia ter sido evocado, por muitas e diversificadas razões cívicas, solidárias e humanistas.

Por isso escrevo este texto – Contra o Esquecimento – e para recordar que foi na presidência de Dourada Mendes que se realizou, no ano de 1993, em Almada, após o 25 de Abril, 1º Congresso Nacional das Colectividades de Cultura e Recreio e Desporto, onde foram lançadas as sementes para que, no futuro, nascesse a Confederação das Colectividades.

Dourada Mendes, que foi presidente da Direcção da SIRB «Os Penicheiros» foi a ignição do motor que promoveu este Congresso, criando um Grupo de Estudos na Federação, aberto e diversificado, estimulando reuniões e contactos com a Federação do Porto, abrindo portas de diálogo, lançando as sementes para um debate inovador sobre o associativismo e o seu papel nas comunidades.

Por essa razão aqui fica este registo, porque a memória faz-se de tudo o que somos e não apenas do que queremos nela inscrever.
Obrigado Dourada Mendes, pelo seu amor ao associativismo, que sempre o pensou e viveu afirmando que - “uma associação deve ser a expressão de democracia e liberdade, porque, sem isto, não há associativismo” - ou que, na realidade - «devíamos discutir o associativismo em plena liberdade, em plena democracia. Devíamos discutir e traçar novos planos estratégicos para o desenvolvimento do associativismo.”

Aqui ficam as suas palavras e esse grande obrigado por esse seu enorme contributo para que, cerca de 20 anos após o 25 de Abril, se realizasse o 1º Congresso Nacional de Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto – um homem da SIRB «Os Penicheiros», que escreveu história do associativismo.

António Sousa Pereira

21.11.2021 - 11:54

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2021 Todos os direitos reservados.