Conta Loios

inferências

Rostos on line faz 20 anos que começamos a escrever futuro
O sucesso de manter vivo um órgão de comunicação social livre e independente

Rostos on line faz 20 anos que começamos a escrever futuro<br>
O sucesso de manter vivo um órgão de comunicação social livre e independente<br>
No dia 25 de Setembro de 2002, faz hoje 20 anos, começou a ser editado no mundo digital o ROSTOS ON LINE.
Se um dia fizerem a história do jornalismo digital em Portugal, na região de Setúbal, ou no concelho do Barreiro, lá estaremos inscritos como pioneiros desse novo mundo da comunicação.

Fomos o primeiro órgão de comunicação social digital no concelho do Barreiro.
Fomos o segundo órgão de comunicação social digital no distrito de Setúbal.
Fomos dos primeiros órgãos de comunicação social digital em Portugal.
E, fomos de facto, o primeiro título de imprensa regional do século XXI, editado no distrito de Setúbal.
Um projecto jornalístico que trouxe e mantém dentro de si o mesmo lema editorial: Damos Rostos às Cidades.
Um projecto jornalístico que trouxe e mantém dentro de si os mesmos valores editorais : Liberdade, Democracia e Dignidade.
Um projecto jornalístico com opinião, que nas suas páginas inscreveu, continuará a inscrever o presente onde ficam inscritas algumas memórias que vão restar no futuro. Basta consultar as nossas páginas e lá estão muitas memórias dos últimos 20 anos.

É por isso, que, um destes dias me pediam um exemplo de sucesso dos 20 anos do jornal «Rostos» e a resposta que dei foi muito simples: o sucesso do jornal Rostos é estar vivo, continuar vivo e teimar em querer continuar vivo.
E tanto que o mundo mudou nestes 20 anos.

E, sem dúvida, se sempre foi difícil fazer imprensa regional, se alguma vez tive esperança que as coisas podiam ser diferentes, a verdade é que, nos dias de hoje, com as redes sociais geridas, controladas, manipuladas por algoritmos, e gestores de opinião e imagem, com um mundo a viver sucessivas crises – das troikas à pandemia, da pandemia às guerras, dos Trump aos Putin, dos autocratas aos neo-democratas, viver no mundo da comunicação, mesmo regional, só por amor e paixão.

Quando alguns leitores e amigos me dizem : Não desistas o Barreiro precisa de ti, para não ficar sufocado no silêncio e sem voz. Escuto e penso que vale a pena continuar, mas, como dizia o poeta: ser poeta todos os dias também cansa.
Na verdade, como vivo esta actividade por amor e paixão, e, felizmente, nada tem a ver com necessidade de sobreviver, por isso, cá continuarei, a festejar, ano após ano, este sucesso, um verdadeiro sucesso, este de manter vivo um órgão de comunicação social livre e independente. Continuaremos enquanto a democracia o permitir e a voz não ficar calada em palavras silenciadas.

Obrigado, aos leitores, empresas e entidades que nos dão força para continuar a manter a imprensa regional activa.
20 anos é muito tempo, mas 20 anos é sempre o tempo de recomeçar.
Recordo aquela frase: eu tinha acabado de fazer 20 anos e nunca mais deixarei que alguém diga que é a mais bela idade da nossa vida, para mim, a mais bela idade é esta, que tenho hoje, 70 anos.
Ah, é verdade, tenho um grande orgulho, vaidade, em ser Director deste projecto que faz parte do meu coração e está inscrito na energia da minha vida.

António Sousa Pereira
Director

25.09.2022 - 12:14

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2022 Todos os direitos reservados.