Conta Loios
rostos.pt
PESQUISAR     
    HOME  |   FICHA TÉCNICA   |   ESTATUTO EDITORIAL   |   EDIÇÃO IMPRESSA  |   NEWSLETTER  |    RSS  |    TWITTER  |    FACEBOOK  
INFERÊNCIAS
Horóscopos Diários
Dia 14 de Dezembro 2018
Por Maria Helena


A (nota) mentos - Barreiro
Uma vila com história transforma-se…num guetto do concelho!


Barreiro - Faleceu Adriano Maria
Presidente da Mesa da Assembleia Geral do CFB


Inferências - «Habemus Terminal»!
«Gostava de ver, no Barreiro, um Porto a sério»


Rosto da Semana Carlos Humberto – porque o Barreiro está primeiro

Barreiro – Sessão Rostos do Ano 2017
Assinala 17 º aniversário do jornal «Rostos»


Por dentro dos dias - Barreiro
Basta um sorriso!


COLUNISTAS
Cinquantenaire
Por Nuno Santa Clara
Barreiro


MONTIJO - ESCOLA PÚBLICA
Por José Caria


Prevenir ou remediar?
Por Jorge Fagundes
Barreiro


A UBER AGRADECE
Por Carlos Alberto Correia
Barreiro


É falta de educação não responder às perguntas ou não cumprir o que se promete
Por Nuno Cavaco
Moita


O Barreiro está um pouco mais pobre!
Por Nuno Banza
Barreiro


BASTIDORES
Concelhia do Bloco de Esquerda da Moita
Jantar de Confraternização


JSD Barreiro organiza
«Ginjinha de Natal Solidária»


Grupo Municipal do Partido Socialista na Assembleia Municipal da Moita
Declaração de Voto Grandes Opções do Plano e Orçamento 2019


Posição do PCP quanto ao parecer da CMB
relativo ao EIA da instalação do Terminal de Contentores no Barreiro


Consulta Pública sobre o Terminal do Barreiro
Os Verdes reafirmam as suas principais preocupações face ao atual projeto


No âmbito da consulta pública do Terminal de Contentores do Barreiro
JP reconhece importância como motor de desenvolvimento económico


Sesimbra - Secção do Partido Socialista da Quinta do Conde
Organiza um almoço de Natal solidário com associações


Moita - Permuta de terreno torna possível a construção do novo quartel da GNR
Eleitos pelo Partido Socialista fizeram questão de estar presente


Barreiro - Situação dos trabalhadores da WashClean Laundries
PCP questionou o Governo


Tiago Sousa Santos Presidente da JSD Barreiro
Candidato à liderança da JSD Distrital de Setúbal


CONVERSAS DE 2 MINUTOS
Moita - Eleições na Santa Casa da Misericórdia de Alhos Vedros
Miguel Canudo candidato a Provedor


ENTREVISTA
Desconstruir aquela ideia do Barreiro coitadinho
Projecto «Start XXI» uma aposta no desenvolvimento económico


Isidro Heitor, líder do Partido Socialista na AM Barreiro
«Estou preocupado com a crispação do debate na Câmara Municipal»


AS EMPRESAS
Terminal de Contentores de Sines supera record de 2017
Correspondendo a 58% da carga contentorizada movimentada em Portugal.


Setúbal - Tróia Design Hotel prepara réveillon de sonho para toda a família
Numa das mais bonitas baias do mundo


Estão inscritos 46 estabelecimentos comerciais do Concelho do Barreiro num total de 58 montras
XVII Concurso de Montras de Natal


DESPORTO
No Pavilhão Municipal Luís de Carvalho - Barreiro
11ª Taça de Natal FabrilTramp
. Dia 16 de Dezembro


Equipa de Badminton do Luso Futebol Clube - Barreiro
Conquista 3º lugar no Torneio Regional de Equipas.


BRRnightRUNNERS promove 6.ª edição da Caminhada/ Treino Solidário de Natal
Presentes entregues às crianças e jovens da NÓS


Xadrez- Campeonato Nacional Jovens em Pombal
Santoantoniense do Barreiro com dois vice-campeões nacionais
. 3º lugar Coletivo.


Barreiro - Associação de Cicloturismo Fidalbyke
14º Passeio de S. Silvestre em BTT


PERSONALIDADES
Alexandre Teixeira do Barreiro
Distinguido com o selo de «Mentor Campeão do Ano de 2018»


AS ESCOLAS
Politécnico de Setúbal oferece teatro pelo Natal
Celebrações da quadra com crianças e idosos da comunidade local


Escola Secundária de Casquilhos - Barreiro
Percurso por terras helénicas a partir do Projeto Erasmus


Setúbal - Oficina Lu Ban Portuguesa promete ser “inspiração para o mundo”
IPS inaugurou laboratório em Indústria 4.0 em parceria com o Governo


Moita - CURSO TÉCNICO DE SOLDADURA & ESCULTOR PEDRO MARQUES
Criam «BOM VENTO» para exposição na Secretaria Geral da Educação e Ciência


REPORTAGEM
Criação do Gabinete de Apoio à Vitima no Barreiro e Moita
Concretiza décima resposta no Distrito de Setúbal na Rede Nacional de Apoio às Vítima


Barreiro - «Sonhos...e ilusões» um livro onde as palavras se cruzam e florescem
Ler e conhecer...«um coração onde muitas marés bateram»


Barreiro - Gala da Diferença
«Prémio Personalidade» atribuído a Angelina Marques
. Uma noite de emoções fortes


Construção de Túnel de 1km para ligar Lavradio ao Montijo
Permite colocar o comboio do Barreiro no aeroporto
. defende Nuno Canta


Terminal de Contentores do Barreiro em debate público
«Do ponto de vista da paisagem a situação não fica resolvida» afirma Rui Lopo


Terminal de Contentores do Barreiro poderá criar até 5000 empregos
Em Janeiro de 2019 entregue Declaração de Impacte Ambiental


MOLDURA
No Barreiro foram detidos três indivíduos
Por furto em interior de estabelecimento comercial


Vinhos certificados consumidos em Portugal
15% são da Península de Setúbal


Setúbal - Curso destinado a cuidadores informais de pessoas dependentes
Administrado por profissionais de várias valências das áreas da saúde


Centro Hospitalar Barreiro Montijo
Campanha de Sensibilização «Neste Inverno se estiver doente eu ligo...»


Secretária de Estado da Saúde no Hospital do Barreiro
Inaugura novas instalações do Serviço de Urgência Geral


Plataforma Cívica Aeroporto BA6-Montijo Não
Desafia Pedro Marques para debate público na TV em canal aberto


Ação com veleiros no Tejo diz não ao projeto do aeroporto no Montijo
«Montijo com aeroporto, estuário morto»


ESCOLA CONDE FERREIRA - BARREIRO
Apresentação do livro «CONTOS E CANTOS DO RIO E DO MAR»


Na Ilha do Rato - Barreiro
«Tejo Convida» promoveu iniciativa «Ilha Limpa 2018»
. Participação de mais de 60 pessoa


Barreiro - Visita de vários projetos nacionais e internacionais
Projeto LIFE Biodiscoveries em destaque na Mata da Machada


AUTARQUIAS
Balcões do Munícipe da Moita comemoram hoje dois anos
Com mais de 217 mil atendimentos


Projeto «Mecenas de Palmela» continuou a crescer em 2018
O valor angariado cresceu ultrapassando este ano os 50 mil euros.


Pista de Gelo Solidária no Barreiro
No Parque da Cidade até dia 6 de janeiro


Barreiro - Escola Básica 1º Ciclo de Palhais
Vencedora do concurso «Figuras de Natal Ecológicas»


Juntas de Freguesia do concelho da Moita vão manter taxas e tarifas
Apesar de não ser cumprida a Lei das Finanças Locais pelo Governo


OPINIÃO
Gripe e a sua prevenção
Por Joana Peralta e Inês Silva
Barreiro


Viver plena_mente: Mindfullness
Por Sandra Pereira
Barreiro


O TERMINAL DO NOSSO DES(CONTENTAMENTO) - 4
Por Armando Teixeira
Barreiro


A caravana de «invasores» exaustos e famintos
Por Alexandra Serra
Sesimbra


Mobilidade: um problema prioritário
Tiago Sousa Santos
Barreiro


O Terminal de Contentores e o Futuro do Barreiro
Por Augusto Coelho
Barreiro


O Terminal de Contentores do Barreiro
Não nos tomem por «lorpas»!
Por José Encarnação


Era uma vez … uma promessa, um centro de saúde, mais médicos e a credibilidade …
Por Nuno Miguel Fialho Cavaco
Moita


A DEFESA DOS DIREITOS E PROMOÇÃO DE QUALIDADE DE VIDA DO OSTOMIZADO UM NEGÓCIO DE DÚVIDAS
Por Vitor Bento Munhão
Barreiro


ASSOCIATIVISMO
Bombeiros Voluntários do Barreiro - Corpo de Salvação Pública
Eleições para o Triénio 2019/2021
. Crescer com Sustentabilidade


Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste - Barreiro
Deixaram de transmitir qualquer informação de ocorrências à ANPC


Luso Futebol Clube – Barreiro
Festa Natal da Secção Patinagem Artística


Contrato de Comodato cede Ateliê Municipal.
ao Clube de Fotógrafos do Barreiro


ROTARY CLUB DO BARREIRO
Campos de Férias na Europa – Seleção de candidatos


LIVROS
Barreiro - Escritor Carlos Alberto Correia
Publica «URBI - poemas datados»


POSTAIS
Barreiro - Campanha de Sensibilização no Mercado do Lavradio
«Troca o Plástico»


Ana Paula Vitorino, Ministra do Mar
Há vários interessados no Terminal do Barreiro
. Empresas Chinesas


Terminal de Contentores do Barreiro
Câmara Municipal dá parecer positivo
. PS e PSD votam a favor - CD abstenção


Vão ser colocados no Barreiro
Mais 800 contentores para recolha reciclável


Rotary Club do Barreiro integra primeira mulher
Inês Costa escreve uma página na história


Barreiro - Coral TAB 25 ANOS
Uma vida de marcada pela formação musical de gerações


Barreiro – Arte Viva leva a cena peça infantil «Pinóquio»
Uma peça hilariante que envolve o público – crianças e adultos


Novas instalações da Junta de Freguesia da Moita
Rigor e poupança abrem caminho para o arranque das obras no terreno


ARTES
Barreiro - Exposição de Pintura e Escultura
Francisco Moura «Estados de Espírito»


AGENDA
Nas Bibliotecas Municipais da Moita:
Liga dos Livros, Sábados a Ler em Família e Encontro com Luísa Ducla Soares


EUROPA
ABERTURA DE CANDIDATURAS PDR 2020
26 de outubro a 8 de fevereiro 2019


Comissão Europeia regista iniciativa
sobre «Cidadania Permanente da União Europeia»


opinião rostos.pt - o seu diário digital

O TERMINAL DO NOSSO DES (CONTENTAMENTO) – 3
Por Armando Teixeira
Barreiro

O TERMINAL DO NOSSO DES (CONTENTAMENTO) – 3<br />
Por Armando Teixeira <br />
BarreiroDo ponto de vista do desenvolvimento estratégico este é um projecto estreito, unipolar, unidirecional. O Barreiro vai tornar-se num gigantesco parque de contentores que inviabilizará qualquer outro tipo de actividade económica diversificada e multiforme.

“Se um elefante incomoda muita gente, dois elefantes …”

0. SÚMULA DAS POSIÇÕES ASSUMIDAS

Manifestámos em artigos anteriores, de resto há muito tempo, a nossa oposição a todo o projecto que fosse além do que estava previsto no PUTQAE-2010 (uma Área Logística Multimodal). não unicamente para carga contentorizada, confinada nos limites marginais existentes, conquistados ao rio com milhares de toneladas de resíduos industriais, cuja retirada foi prometida por múltiplos governos mas que ainda lá estão!
Não estamos contra todo e qualquer Novo Porto no Barreiro, estamos contra este projecto da APL-ATKearney-2014 e o seu novo EIA-2018.

As “profissões de fé” da Administração do Porto de Lisboa, na Sessão Pública de 24/11/18, jurando “inocência política” e o primado do “rigor científico”, não resolvem as imensas contradições que já apontámos (e vamos continuar a fazê-lo!) de um projecto TCB/L, megalómano, agressivo da paisagem, do ambiente, do Estuário do Tejo, do Barreiro e das suas gentes historicamente sacrificadas, sem relevância económica, afunilador do desenvolvimento tecnológico e/ou industrial multifacetado, multiforme, não limitativo. Em última análise lesivo do interesse nacional, por gastar centenas de milhões de euros desnecessariamente porque existem alternativas.

A posição pusilânime do executivo autárquico de maioria socialista, que estava contra no ano passado e a favor este ano (!?) quando o essencial do projecto é o mesmo, merecem o repúdio da população barreirense. O Estudo de Impacto Ambiental-2018, deve ser chumbado, com a nossa participação, até ao dia 7 de Dezembro p.f. Contra o elidir da realidade e dos factos que trazem uma piorização, o futuro assim o exige!

4.4 IMPACTOS NA MOBILIDADE

Como vão ser retirados os contentores do anunciado porto?
Por via rodoviária, a saída pela Avenida das Nacionalizações está estrangulada, o IC21 está saturado!
Actualmente, são dezenas os camiões diários com a sucata, as cisternas, os autotanques e outros veículos pesados, passando engarrafados nas três rotundas em duzentos metros! Por ali não poderá (deverá) ser.
A única hipótese é construir viadutos, já a pensar nos acessos à Terceira Travessia (talvez um dia…). Quanto custará tal empreendimento? Não está incluído nos custos estimados no projecto TCL/B!
Por via ferroviária a solução, complicada, obrigará a assinaláveis obras-primas, com passagem elevada dos comboios numa grande ponte para a ferrovia. Sim! Não caberá na cabeça de ninguém uma linha a atravessar a cidade!

Quanto custará, visto que não foi ponderada no projecto inicial?
Lembramos que a Oficina Ferroviária do Barreiro (excepcionais oficinas históricas!) está praticamente parada por não ter sido electrificado um troço de cem metros de via de acesso (estimamos um custo de algumas dezenas de milhares de euros). E estão comboios parados à espera de reparação e muitos portugueses em terra à espera de comboio!
Curiosa esta forma de gerir os projectos com múltiplos impactos, primeiro anuncia-se a decisão (com um custo de 600 milhões, sem acessibilidades!) e depois fazem-se os estudos.

4.5. SOLUÇÕES MARGINAIS DE MOBILIDADE

Porque têm sido referidas de forma marginal, é pertinente falar em duas propostas de solução para a deslocação/transporte de contentores na região metropolitana:

A. Transporte de contentores em barcaças para uma futura estação em Castanheira do Ribatejo.
Apreensão é o sentimento que este projecto nos suscita. Levar contentores em barcaças, rio acima, através dos mouchões do Tejo, passando na zona de reserva estuarina, através de calas pouco profundas e serpenteantes (conhecemos o trajecto) parece-nos um projecto não compaginável com o respeito ambiental que o Tejo merece e obriga. Claro, lá se farão mais dragagens!...
Já existe uma estação de contentores (assustadora!) junto ao rio Trancão, vão construir outro depósito na margem direita, além Vila Franca? Incompreensível e preocupante!

B. Uma ponte do Barreiro para o Montijo
Aparentemente não seria má ideia se tal obra não passasse pelo canal do Montijo, de Alhos Vedros e da Moita, zonas ambientais sensíveis de esteiros com avifauna própria e importante, que já está posta em causa por um outro projecto com impactos ambientais tremendos se concretizado – o proposto aeroporto no Montijo.
As Autarquias da Moita terão certamente uma palavra a dizer.

4.6 IMPACTO ECONÓMICO
O impacto acumulado no PIB nacional com a construção do Terminal do Barreiro, estimado no projecto AT Kearney-2014 e concomitantemente no EIA-2018, será de 7 a 12 milhões de euros, num horizonte de 40 e 60 anos.
Isto será assim tanto se construa o novo terminal no Barreiro: ou se amplie o Porto de Lisboa (com muitíssimo menos custos); ou se aumente o Porto de Setúbal (com menores custos, mas com impactos ambientais negativos); ou se alargue a capacidade magnífica do Porto de Sines (com custos relativamente modestos); ou até mesmo com a beneficiação do Porto de Leixões, para onde foi a quota perdida nos últimos anos pelo Porto de Lisboa (17,7% em 2010 – 12,4% em 2017). Quem diz que os três Portos de Contentores de Lisboa (Alcântara, Stª Apolónia e Beato) estão esgotados?
E estão todos na direcção dos “corredores europeus”, com claríssimas vantagens rodoviárias e ferroviárias sobre a nova proposta de localização.

Para o Barreiro que vantagens económicas reais?
Dinamização da actividade económica local e regional e quinhentos postos de trabalho directos, diz o EIA-2018. Surge-nos uma dúvida legítima. Se os Portos de Contentores de Lisboa são todos transferidos para o novo terminal, como proclama o Projecto APL-ATKearney-2014 (que o governo corroborou, embora o EIA-2018 não fale nisso…) não virão também os seus operadores? Em Lisboa são 180 os postos de trabalho efectivos (!) Qual o saldo líquido de criação de postos de trabalho?
Irrelevante! Postos de qualificação média/baixa, num sector com elevada precariedade (como se vai sabendo por estes dias!),para fazer uma actividade única: descarregar, arrumar, carregar contentores. Sobre o mito dos 3000 postos induzidos estamos conversados, veja-se o exemplo de Sines, Setúbal!...
As grandes empresas de “transhipement” não virão para o Barreiro (não querem, aliás, que o Porto de Lisboa seja deslocalizado). As grandes transportadoras não virão para o Barreiro, mandam os camiões enquanto o petróleo estiver barato, para poluírem o ambiente numa terra que tão sacrificada foi!
O transporte ferroviário, outro mito do projecto TCB/L, terá poucas hipóteses de concorrer com a rodovia, ainda por cima para os comboios darem uma volta enorme pelo Setil para irem para o Norte, o destino maioritário. É justo concluir, o propalado impacto económico local é um logro.

4.7. IMPACTO NO DESENVOLVIMENTO

Do ponto de vista do desenvolvimento estratégico este é um projecto estreito, unipolar, unidirecional. O Barreiro vai tornar-se num gigantesco parque de contentores que inviabilizará qualquer outro tipo de actividade económica diversificada e multiforme.
Como foram os comboios que duraram 142 anos, na versão transregional, “Um braço vigoroso no progresso da vila”, dizia um historiador coevo, que trouxeram a Indústria Corticeira (entretanto desaparecida) e a Indústria Química e a Metalo-Mecânica Pesada, desmembradas quando os “europeístas” empenharam a indústria nacional em nome do progresso.
Deixaram muita desolação, uma enorme depressão económica e paradoxalmente, uma herança patrimonial ímpar e inestimável, mal amparada, em rápida degradação, mas em vias de Classificação na DGPC, que urge apoiar (não postergar como quer fazer a CP!). Deixaram sobretudo uma enorme área “queimada”, desaproveitada, que pode e deve ser melhor utilizada como recomenda o Plano Director de 1994, para indústria não poluente e empresas de tecnologias de ponta.
A propósito, não compreendemos como a Quimiparque, o Arco Ribeirinho e agora a Baía do Tejo, em trinta anos, não captaram um único projecto de média dimensão, tecnológico ou industrial, moderno, não poluente, progressivo, como estipula o PDM ainda não revisto.

Em última análise o Projectado Terminal de Contentores de Lisboa no Barreiro, não cumpre o Plano Director Municipal (nem tão pouco o PUTQAI de 2010, sem força de “Lei”). Não pode ser aprovado pelas suas Autarquias, sobretudo não pode (deve!) ser aceite pela população do Barreiro!

Armando Teixeira
(continua)

02.12.2018 - 19:46
Imprimir   imprimir

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Partilhar: partilhar no facebook  TwitThis  digg it  Google Bookmark  Technorati  guardar link no del.icio.us 

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital

comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

rostos.pt - o seu diário digital

envie o seu comentário

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital





rostos.pt - o seu diário digital

Pesquisar outras notícias no Google

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Design: Rostos Design. Fotografia e Textos: Jornal Rostos.
Copyright © 2002-2018 Todos os direitos reservados.

PUB.

PUB.

PUB.

PUB.

PUB.

REVISTA ROSTOS

PUB.

PUB.

ROSTOS APOIA

PUB.

DAMOS ROSTOS ÀS CIDADES

DIVULGAÇÃO

EDIÇÃO IMPRESSA


OUTRAS EDIÇÕES

  

  

VIDEOS ROSTOS

CANAL ROSTOS NOS VIDEOS SAPO


LIGAÇÕES

MARTA SOUSA PEREIRA Photography


ENTRE TEJO E SADO - BLOG SAPO LOCAL


SAPO LOCAL


GOOGLE NEWS - BARREIRO


JORNAIS E REVISTAS


CAMARA MUNICIPAL DO BARREIRO


CAMARA MUNICIPAL DA MOITA


BLOG DEDICADO A LAURA SEIXAS


ARTBARREIRO.COM


BANDA MUNICIPAL DO BARREIRO


MEMBRO DA

AIND