Conta Loios

cultura

Moita - Exposições dirigidas ao público em geral
Em outubro nos Espaços municipais

Moita - Exposições dirigidas ao público em geral<br />
Em outubro nos Espaços municipais A Exposição Documental “Crianças no Mundo – com Direitos”, cedida pelo Instituto de Apoio à Criança, vai estar patente na Biblioteca Municipal Bento Jesus Caraça, na Moita.

“A evolução do brinquedo português e a sua importância, na educação e desenvolvimento das crianças” , na Galeria de Exposições do Fórum Cultural José Manuel Figueiredo.

Em outubro, as bibliotecas municipais, a Galeria de Exposições do Fórum Cultural José Manuel Figueiredo e o Posto de Turismo Municipal vão receber diversas exposições, dirigidas ao público em geral.

A Exposição Documental “Crianças no Mundo – com Direitos”, cedida pelo Instituto de Apoio à Criança, vai estar patente na Biblioteca Municipal Bento Jesus Caraça, na Moita, de 11 a 25 de outubro, no horário, de terça-feira a sábado, das 14:00h às 19:00h. Esta mostra é dirigida à comunidade educativa e ao público em geral. Mediante inscrição prévia, através do T: 210 817 040, são promovidas visitas guiadas, dirigidas a alunos do 2º ciclo.

De 8 a 26 de outubro, das 10:00h às 12:30h e das 14:00h às 18:30h, a Biblioteca Municipal de Alhos Vedros recebe a Exposição “Réplicas de edifícios de Alhos Vedros”, de Manuel António Vera Gil. Esta mostra apresenta a reprodução em pedra de um vasto conjunto de réplicas de edifícios emblemáticos da freguesia de Alhos Vedros.

“A evolução do brinquedo português e a sua importância, na educação e desenvolvimento das crianças” é o nome da Exposição de Brinquedos do colecionador Hélder Esdras Martins, patente, de 8 de outubro a 2 de novembro, na Galeria de Exposições do Fórum Cultural José Manuel Figueiredo. A inauguração acontece a 12 de outubro, pelas 17:30h. A mostra está patente de terça e sexta-feira, das 10:00h às 18:30h, e aos sábados, das 14:00h às 19:00h

No dia 10 de outubro, pelas 22:00h, é inaugurada a Exposição de Pintura “Prelúdio”, de Francisco Freitas Branco, patente na Biblioteca Municipal do Vale da Amoreira até 26 de outubro. Francisco Freitas Branco é um pintor autodidata que nasceu na cidade de Luanda (Angola), a 3 de outubro de 1945. Desde muito novo revelou o gosto pela pintura, não estando integrado em qualquer corrente estilística nem limitado a um tema fixo. Tem desenhado naturezas mortas, animais, pessoas, retratos, paisagens, onde o ambiente africano está sempre presente ou se insinua, no colorido ocre, na serenidade dos rostos, no pulsar da natureza. Desenha com grafite, pinta com pastel seco ou óleo e tem uma particular preferência pelo óleo.

Até 11 de outubro, de segunda a sexta-feira, das 9:30h às 12:30h e das 14:00h às 18:00h, está patente, no Posto de Turismo Municipal, a Exposição de Brinquedos Musicais 1940/1990 “Façam Barulho”, de Helder Esdras Martins. De referir que, no dia 9, pelas 16:00h, decorre, no mesmo espaço, a “Conversa de Bolso”, orientada pelo colecionador, com entrada livre

04.10.2019 - 13:01

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.