Conta Loios
rostos.pt
PESQUISAR     
    HOME  |   FICHA TÉCNICA   |   ESTATUTO EDITORIAL   |   EDIÇÃO IMPRESSA  |   NEWSLETTER  |    RSS  |    TWITTER  |    FACEBOOK  
INFERÊNCIAS
Horóscopos Diários
Dia 22 de Setembro 2018
Por Maria Helena


Barreiro / Moita - Edição impressa jornal «Rostos»
Baixa da Banheira das zonas que mais vai sofrer com instalação do aeroporto no Montijo


Inferências-Líder do PP espanhol defende TGV Lisboa - Madrid
Será de novo a margem sul e Barreiro na encruzilhada das indefinições da história?


Rota 66 - Barreiro
«A gente fala lá fora»


A(nota)mentos - Recuperação do património ferroviário do Concelho do Barreiro
Armazém de Víveres e o Dormitório da CP são trocos


Inferências - Barreiro
Quais as marcas dos mandatos autárquicos ? ( I)


Por dentro dos Dias
Barreiro - um tempo de percepções sem perspectivas


COLUNISTAS
A arte de mal gastar
Por Jorge Fagundes
Barreiro


A UBER AGRADECE
Por Carlos Alberto Correia
Barreiro


A Retribuição Mínima Mensal Garantida
José Caria
Montijo


As pessoas ainda contam
Por Jorge Fagundes
Barreiro


Descascando a cebola
Nuno Santa Clara
Barreiro


É falta de educação não responder às perguntas ou não cumprir o que se promete
Por Nuno Cavaco
Moita


O Barreiro está um pouco mais pobre!
Por Nuno Banza
Barreiro


CARTA AO DIRECTOR
Carta ao Director
Para quando a Câmara Municipal da Moita resolve está situação?


BASTIDORES
Redução do IMI no Barreiro
Aprovada proposta do PSD


Encontro de socialistas de todo o distrito de Setúbal
Grande comitiva nas Festas da Moita


HOSPITAL DO BARREIRO SEM ÁGUA DEVIDO A INTERVENÇÃO DA CMB
O INCRÍVEL ACONTECEU


Bloco de Esquerda - Moita
Em defesa da cultura ribeirinha do tejo


Barreiro - Obras de requalificação na ponte pedonal
PSD alerta para degradação da ponte pedonal da Recosta


CONVERSAS DE 2 MINUTOS
Barreiro – Alfaiate Borges com 92 anos
«Os fatos portugueses são os melhores do mundo»


Barreiro - «Má Raça» um dos rostos da arte in town>
Quando nasci estavam a construir a muralha da Avenida da Praia


ENTREVISTA
Moita - Nuno Cavaco, freguesia da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira
Balneários e relvado no campo do UDCB avançam sem apoio do Poder Central


José Figueiredo, Bombeiros Voluntários do Barreiro
«A minha maior alegria é estar a comandar este corpo de bombeiros»


Sara Oliveira, Provedora da Santa Casa da Misericórdia do Barreiro
«É muito difícil ver pessoas sofrer e sentirmos a impotência»


AS EMPRESAS
Estão previstos no Porto de Setúbal
Um total de 29 navios de mercadorias para o período de 24 a 28 de Setembro


No 2º Dia de greve dos enfermeiros
Adesão acima dos 80% no Distrito de Setúbal


Melhorar a oferta portuária de Setúbal
Permitindo a receção de navios maiores e mais modernos


ACT Barreiro promove ação de sensibilização na Riberalves na Moita
Promover a melhoria das condições nos locais de trabalho


Na Quinta da Margueira em Almada
1º Fórum Empresarial da AISET- Associação da Indústria da Península de Setúbal


DESPORTO
Meia e Mini Maratonas Ribeirinhas da Moita
Inscrições abertas


No Barreiro 97 atletas de todos os escalões
Participaram na 5ª Etapa do Circuito Nacional de Remo de Mar - 2018


Campeões Nacionais do Clube de Vela do Barreiro
Câmara Municipal aprova saudação por unanimidade


AS ESCOLAS
Barreiro - «A Escola Somos Todos Nós»
Visitas do Executivo Municipal aos Agrupamentos de Escolas do Concelho
. De 1 a 12 outubro


Setúbal - Ação orientada pela Ocean Alive integrando o programa de acolhimento
Novos estudantes do IPS mobilizam-se para limpeza do estuário d


Setúbal - Nova pós-graduação em Intervenção Social e Práticas Artísticas
Seminário de divulgação agendado para 26 de setembro


Setúbal - Obras científicas são lançadas na Fundação Gulbenkian
Investigadoras do IPS estudam voz cantada e a fala na primeira infância


Equipa da EST Barreiro /IPS conquista 3.º lugar com projeto na área da Biotecnologia
Politécnico de Setúbal sobe mais uma vez ao pódio do Polie


REPORTAGEM
Barreiro - Feira Quinhentista de Coina é para manter
Encontro com a história de forma lúdica.


Barreiro - Declarações Politicas das forças políticas
Criticada a ausência de maioria do executivo Municipal


Barreiro – Moções, recomendações e saudações
Aprovação por unanimidade na Assembleia Municipal


Psicologia deve ter um papel no desenvolvimento da comunidade
Psicólogos do Barreiro querem implementar programa de acção no concelho


Colocar o Barreiro no mapa da formação náutica
19 barreirenses receberam Certificado de Pescador


Sistema led em toda a iluminação pública do concelho do Barreiro
Actualmente o encargo anual com a iluminação pública são 850 mil euros


Barreiro - Plataforma Cívica BA6 - Montijo Não
Vai avançar com petição para o tema ser debatido nas Assembleias Municipais


MOLDURA
Barreiro / Moita - No dia 29 de Setembro pelas 10:00 horas
Marcha de Protesto contra infraestrutura aeroportuária na Base do Montijo


Na Cooperativa Cultural Popular Barreirense - Barreiro
Seminário «Patologia Mamária: uma causa de todas as mulheres»


Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro dias 5 e 6 de Outubro
Revelado o cartaz completo do OUT.FEST 2018


No Barreiro apresentação nacional do «Iberia Brass Quintet»
Quinteto do Conservatório de Amesterdão inclui barreirense João Canelas


Auditório da Biblioteca Municipal do Barreiro
Apresentação do livro «Tantas Cores Dentro de Mim»


Moita - Exposição e test-drive de três veículos elétricos
EDP Distribuição associa-se à Câmara na Semana Europeia da Mobilidade


Barreiro, Moita, Montijo e Alcochete
Promovem «Passeios de Bicicleta»
. Dia 22 de Setembro


Barreiro - Mais de uma centena de pessoas participaram na 13ª edição da «Subida do Coina»
13 anos a valorizar o património do Rio Coina


AUTARQUIAS
Prémio Nacional «Mobilidade em Bicicleta» para Setúbal
Prémio confirma justeza das difíceis decisões para garantir a segurança das áreas balne


Concurso público estará concluído antes do final deste ano
BARREIRO AVANÇA COM ILUMINAÇÃO LED


OPINIÃO
D. Manuel Martins o inesquecível bispo
Por Eugénio Fonseca
Setúbal


Pela Valorização das Assembleias Municipais
Por Pedro Vasconcelos Almeida
Barreiro


Farmácias Solidárias: Finalmente uma realidade em Almada
Por Sara Machado Gomes


RESPECT
Por Rui Lopo
Barreiro


A falta de transparência municipal na concessão de apoios financeiros
Por Alcídio Torres
Montijo


Como melhorar a nossa Automotivação?
Por Sandra Pereira
Barreiro


O AÇAMBARCAMENTO DA OSTOMIA
ASSOCIAÇÃO NACIONAL DAS FARMÁCIAS E O BUSINESS DA OSTOMIA
Por Vitor Bento Munhão
Barreiro


ASSOCIATIVISMO
Barreiro - Exploração do bar do Santoantoniense Futebol.
CONCESSÃO DO DIREITO DE EXPLORAÇÃO


Barreiro - Associação de Mulheres com Patologia Mamária
Assembleia Geral no próximo dia 27 de Setembro.


POSTAIS
PS e CDU deviam terminar com o clima de crispação
Deviam tentar dialogar em prol do Barreiro.


PAN recomenda medidas para Barreiro Acessível
Campanha de sensibilização sobre ocupação abusiva de lugares de pessoas com deficiência


Bombeiros Voluntários do Barreiro – CSP
Aberto «Auto de Averiguações» ao caso de «Abertura de Porta»


Crónicas do Algarve
Acerca de medo, de medos e de fantasmas


Unanimidade sobre Pólo Ferroviário do Barreiro
Como elemento estratégico de desenvolvimento regional e do país


Barreiro – Encontro na Praceta Frei Luís de Sousa
Manter vivas as relações dos «jovens da praceta»


Barreiro - Vela no Desporto Escolar
Vai nascer Centro de Formação no Clube de Vela


Taxa de Analfabetismo no Barreiro é de 3,5%
Novos tipos de iliterados que são os info-excluídos


Barreiro - Obras no Moinho Pequeno
Funcionária da Câmara afirma que actual executivo limitou-se a levantar suspensão da obra


Terminal de Contentores do Barreiro
Estudo de Impacto Ambiental terá parecer positivo da Câmara


Barreiro - Aumento de acções de desinfestação
Pragas de baratas e ratos causam impacto financeiro


AGENDA
Barreiro - Com encenação de Diogo Infante
Teatro «O Deus da Carnificina» no AMAC


EUROPA
Comissão Europeia regista a iniciativa
«Acabar com a fome que afeta 8 % da população europeia»


Comissão Europeia regista iniciativa
sobre «Cidadania Permanente da União Europeia»


autarquias rostos.pt - o seu diário digital

«Garantir que o processo de desenvolvimento de Setúbal seja continuado»
afirma presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira

«Garantir que o processo de desenvolvimento de Setúbal seja continuado» <br />
afirma presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores MeiraA presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, garante que o novo mandato prossegue o esforço de aumento da qualidade de vida das populações e de modernização do concelho, com soluções de melhoria do território.

A autarca sublinhou na cerimónia de tomada de posse da Câmara e da Assembleia Municipal de Setúbal, realizada ontem ao início da noite, no exterior dos Paços do Concelho, que do programa para o mandato 2017-2021, “largamente aprovado pelos votantes nas últimas eleições autárquicas”, constam grandes projetos.

Apontou os exemplos do Parque Urbano da Várzea, do Terminal Intermodal de Setúbal, na Praça do Brasil, do arranjo do Largo de Jesus e da conclusão da reabilitação do Convento de Jesus, a par do prosseguimento da procura dos financiamentos para a nova biblioteca municipal e o Terminal 7, investimentos considerados fundamentais e que já possuem os respetivos projetos.

A reeleita presidente do município assegura que, a partir de 2019, serão possíveis novas soluções de mobilidade por via da abertura de concursos para operadores de transportes públicos, a par de outros projetos, como a continuação da rede de ciclovias.

A rede viária é outra área que se mantém como alvo de investimentos de modernização, com a criação de novas e melhores soluções para a circulação automóvel e o aprofundamento do trabalho de devolução de espaço público aos peões.

A requalificação da zona ribeirinha também é para prosseguir, com a autarquia a insistir na passagem para a gestão municipal dos terrenos sem utilização portuária e a desenvolver todos os esforços com vista à construção de uma marina de recreio que se assuma como “forte fator de promoção do desenvolvimento turístico e económico”.

Uma “significativa alteração na gestão das praias”, quer no que respeita às zonas balneares que já passaram para a tutela para a Câmara Municipal de Setúbal, quer no que se refere aos acessos a estas áreas, matéria a que se dedicará “especial atenção”, foi igualmente sublinhada por Maria das Dores Meira.

No mandato autárquico que se iniciou ontem, mantém-se a aposta na “contínua melhoria dos serviços que o município presta à população” e será aprofundada a relação com as juntas de freguesia, através dos protocolos de descentralização de competências.

A autarca lembra que os setubalenses reconheceram a validade das propostas apresentadas pela CDU durante a campanha eleitoral e que acreditam no futuro proposto.

“Temos renovadas energias para as longas caminhadas que ainda temos por fazer. Por isso, apelo a todos os que fazem desta a sua terra, tenham ou não aqui nascido, para que façam este caminho connosco. Por uma cidade melhor, mais qualificada, mais humana, mais justa.”

Maria das Dores Meira garante que os próximos quatro anos se caracterizam pela afirmação de um projeto coletivo de trabalho e da visão da cidade que a força que venceu as eleições a 1 de outubro tem do que deve ser o futuro de Setúbal.

“O futuro que, no presente, estamos a construir vai muito para lá destes quatro anos que se avizinham. Sabemos que somos os protagonistas certos para trilhar este caminho. Sabemos, porque já demos provas disso, que somos os portadores do mais acertado programa de modernização.”

Maria das Dores Meira recordou que este será o último exercício que cumpre como presidente da Câmara Municipal de Setúbal, devido à lei de limitação de mandatos, mas assegurou que continuará “sem quaisquer hesitações” a servir o concelho.

“Aqui e agora, assumo o solene compromisso de, nestes quatro anos que me restam nesta autarquia, tudo fazer para continuar a construir uma cidade melhor, uma terra com mais qualidade e onde todos sintam que vale a pena viver.”

Deixou um “especial agradecimento” a todos os que confiaram que a atual presidente da Câmara tem “as necessárias capacidades e qualidades para fazer mais cidade, mais Setúbal”.

Com base no mandato que lhe foi conferido, assegurará que os próximos tempos conduzam à “construção das soluções de futuro” que possam “garantir que o processo de desenvolvimento de Setúbal seja continuado”.

A autarca não tem dúvidas de que a CDU é a força “com o melhor programa” e que conhece melhor as necessidades das populações, nomeadamente por “andar todos os dias na rua a falar com as pessoas, a verificar os problemas que subsistem” e a “promover a efetiva participação popular nos assuntos do município que vá muito para lá de meros simulacros de orçamentos participativos”.

É na rua que a autarquia continuará a estar, seja nos programas Ouvir a População, Construir o Futuro e Nosso Bairro, Nossa Cidade, seja nas reuniões com as populações para debater projetos ou para ouvir opiniões sobre o Plano Estratégico.

“Estarei lá para, cara a cara, ouvir os problemas de todos, para, frente a frente, assumir responsabilidades num exercício da intensa democracia participativa que temos vindo a aperfeiçoar nestas terras sadinas.”

Nas eleições autárquicas de 1 de outubro, “os setubalenses e todos os que fazem desta terra a sua casa deram mais um passo em direção a um melhor futuro, a mais Setúbal”, onde “as diferenças positivas são amplamente reconhecidas”.

Setúbal, assinalou, “deixou de ser a cidade de que se tinha vergonha para ser a cidade onde se vive com prazer, de onde se tem orgulho de ser”.

A história e a tradição convivem com a renovação e inovação num concelho “onde nascem novos negócios e onde há vontade de investir, de criar trabalho e riqueza”, um espaço urbano global “onde cabem todas as freguesias, todas as aldeias e vilas”, de Azeitão às Praias do Sado ou à Gâmbia e ao Faralhão.

“A forma como governamos e a atenção que damos ao território é sempre igual, seja na Praça de Bocage, seja na Mourisca ou na Aldeia da Piedade. Setúbal, graças a esta forma de governar, passou a ser a cidade que se visita com a alegria de descobrir todo um mundo novo.”

Maria das Dores Meira acentuou, no discurso de tomada de posse, que os eleitores deram à CDU “o seu segundo melhor resultado eleitoral desde 2001” e uma “clara maioria na Câmara e na Assembleia Municipal”, além de um reforço das votações na maioria das assembleias de freguesia.

Este resultado “confirma, inequivocamente, a CDU como grande força do Poder Local Democrático” no concelho de Setúbal.

A CDU obteve, para a Câmara Municipal, 22.429 votos, o que corresponde a cerca de 50 por cento do total de sufrágios expressos nas urnas e mais 5628 do que os alcançados em 2013, e a eleição de sete vereadores num executivo composto por 11 elementos.

Os números revelam ainda a redução da taxa de abstenção de 61,27 para 56,93 por cento no comparativo com as autárquicas anteriores, o que significa que votaram mais 4834 eleitores, após quatro atos eleitorais em que a abstenção cresceu sempre.

A redução da abstenção, a par dos resultados alcançados, constituem “uma vitória política atribuível à CDU e às suas políticas de promoção da participação popular na gestão dos assuntos do município”.

A reeleita presidente da Câmara Municipal de Setúbal abordou a abstenção porque ela tem servido de “arma de arremesso contra a legitimidade política e eleitoral da força que ganha as eleições em Setúbal, num incompreensível exercício demagógico”, quando a percentagem dos que não vão às urnas nas autárquicas é igualmente elevada noutros concelhos.

“Mas, já que falamos de abstenção, creio que se impõe uma séria reflexão de todos os agentes políticos sobre esta questão, em particular daqueles que utilizam, nas campanhas eleitorais, a falsidade e a meia verdade como principais instrumentos de intervenção”, acentuou. “Será a estes que se impõe maior reflexão, pois é aí que residem as mais fluentes fontes de descrédito dos agentes políticos.”

A autarca apontou como exemplo de campanhas eleitorais “baseadas em falsidades” a da petição do IMI que foi aprovada em Assembleia Municipal, mas que, “afinal, não tinha sido bem assim”, documento que continha alguns nomes que “tudo indicam serem falsos”.

É esta “falta de seriedade política” que “afasta as pessoas da participação política e eleitoral”, mas os eleitores setubalenses “souberam penalizar quem fez da demagogia e da meia verdade os principais instrumentos de campanha”, aqueles “que não foram capazes de, nos últimos anos, apresentar uma ideia de cidade, uma visão de futuro”.

Maria das Dores Meira considera que a vitória concedida à CDU, com “uma maioria ainda mais expressiva”, revela, igualmente, uma penalização de “quem não tinha projeto” e acreditou que com “duas ou três causas gastas” se poderia governar Setúbal.

“Assim acontece quando se transforma em alvos principais de campanha eleitoral temas como a Feira de Sant’Iago ou se transforma o IMI numa arma política, utilizando a complexidade da questão como meio para baralhar tudo e todos.”

No entanto, apesar de afirmar que o resultado eleitoral foi “inequívoco em relação a estas matérias”, a autarca garantiu que o Executivo municipal estará sempre disponível para debater estes assuntos, “mas nunca para os transformar no que é mais essencial no debate a fazer sobre a cidade e o concelho”.

A autarca agradeceu a confiança depositada pelos eleitores e saudou todos os que votaram nas eleições autárquicas e “não deixaram nas mãos de outros” as decisões sobre a governação da sua terra.

O Executivo municipal é constituído por Maria das Dores Meira (presidente), Manuel Pisco, Carlos Rabaçal, Carla Guerreiro, Pedro Pina, Ricardo Oliveira e Eugénia Silveira, todos eleitos pela CDU, Fernando Paulino, Paulo Lopes, que não esteve presente na cerimónia de tomada de posse por motivos profissionais, e Sandra Gomes, do PS, e Nuno Carvalho, do PSD.

Os membros da Assembleia Municipal de Setúbal também tomaram posse ontem e, na primeira reunião de funcionamento, realizada de seguida, elegeram a Mesa, presidida por André Martins e com Eusébio Candeias e Yolande Cloetens como 1.º e 2.º secretários.

Fonte - CMS

13.10.2017 - 11:20
Imprimir   imprimir

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Partilhar: partilhar no facebook  TwitThis  digg it  Google Bookmark  Technorati  guardar link no del.icio.us 

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital

comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia.

rostos.pt - o seu diário digital

envie o seu comentário

rostos.pt - o seu diário digital

PUB.

rostos.pt - o seu diário digital





rostos.pt - o seu diário digital

Pesquisar outras notícias no Google

rostos.pt - o seu diário digital

rostos.pt - o seu diário digital

Design: Rostos Design. Fotografia e Textos: Jornal Rostos.
Copyright © 2002-2018 Todos os direitos reservados.

PUB.

PUB.

PUB.

PUB.

REVISTA ROSTOS

PUB.

PUB.

ROSTOS APOIA

PUB.

DAMOS ROSTOS ÀS CIDADES

DIVULGAÇÃO

EDIÇÃO IMPRESSA


OUTRAS EDIÇÕES

  

  

VIDEOS ROSTOS

CANAL ROSTOS NOS VIDEOS SAPO


LIGAÇÕES

MARTA SOUSA PEREIRA Photography


ENTRE TEJO E SADO - BLOG SAPO LOCAL


SAPO LOCAL


GOOGLE NEWS - BARREIRO


JORNAIS E REVISTAS


CAMARA MUNICIPAL DO BARREIRO


CAMARA MUNICIPAL DA MOITA


BLOG DEDICADO A LAURA SEIXAS


ARTBARREIRO.COM


BANDA MUNICIPAL DO BARREIRO


MEMBRO DA

AIND