Conta Loios

autarquias

Barreiro - Dia B um movimento de grande solidariedade
Não ter a perceção que se está a suprir obrigações da Câmara de intervenções no espaço público

Barreiro - Dia B um movimento de grande solidariedade<br>
Não ter a perceção que se está a suprir obrigações da Câmara de intervenções no espaço público . Os bens essenciais irão ser distribuídos pelas IPSS e pelos mais carenciados e o material médico seguirá oportunamente para Moçambique

O Município do Barreiro, a Comunidade Educativa, o Movimento Associativo e muitos barreirenses voltam a promover mais um Dia B, nos dias 18 e 20 de maio.
Os barreirenses são convidados a participar nesta edição através da recolha de bens essenciais e material médico que deverão ser entregues junto das escolas, associações e IPSS que adiram a esta iniciativa.

O Município do Barreiro, a Comunidade Educativa, o Movimento Associativo e muitos barreirenses voltam a promover mais um Dia B, nos dias 18 e 20 de maio.
A apresentação pública do evento foi conduzida, pelo Presidente da Câmara Municipal do Barreiro, Frederico Rosa, e pela Vereadora Sara Ferreira, responsável para área de intervenção social, ontem, 9 de maio, na Sala de Sessões dos Paços do Concelho.

Os barreirenses são convidados a participar nesta edição através da recolha de bens essenciais e material médico que deverão ser entregues junto das escolas, associações e IPSS que adiram a esta iniciativa.
Frederico Rosa considera este dia “importante de participação e envolvimento” e esclarece: “não gosto que as pessoas possam ter a perceção que se está a suprir algumas obrigações que a Câmara Municipal tenha de fazer, nomeadamente algumas intervenções no espaço público”. Explicou que o Dia B deste ano “é temático. Será uma grande campanha que irá envolver toda a gente, de uma forma integrada e em rede. É um movimento de grande solidariedade, que pretende ajudar os barreirenses com situações económicas muito complicadas e IPSS com diversas carências e, ao mesmo tempo, ajudar o povo Moçambicano”.
Dirigindo-se às instituições presentes, agradeceu “o empenho e dedicação e por estarem sempre ao nosso lado nestas causas”.
“Grande dia de solidariedade”
“Sendo as IPSS, as grandes promotoras de solidariedade no nosso Concelho, fazia sentido nos fazerem chegar o que vos faz falta, para depois recolhermos e entregarmos esses bens a quem mais precisa”, explicou Vereadora Sara Ferreira.
De acordo com a Vereadora, “achámos importante dar um cariz social a este projeto e contamos com a colaboração de todos para consigamos fazer um grande dia de solidariedade”.
De referir que esta recolha e devido acondicionamento deverão ser efetuados nas escolas, IPSS e associações até ao final do dia 17 de maio, sendo que a CMB irá recolher todos os materiais junto dos parceiros nos dias 18 (associações e IPSS) e dia 20 (escolas). Os bens essenciais irão ser distribuídos pelas IPSS e pelos mais carenciados e o material médico seguirá oportunamente para Moçambique.

A participação das associações, IPSS e escolas deverá ser comunicada para o email diab@cm-barreiro.pt

Listagem indicativa de géneros a recolher:

Medicamentos e produtos similares: Ácido Ascórbico; Álcool Etílico; Analgésicos e Antipiréticos (Aspirina, Ben-u-ron, Brufen, Tylenol …), Antibacterianos; Antidiarreicos (Imodium, UL-250), Antifúngicos (Canesten); Anti-histamínicos (Benaderma, Zyrtec); Anti-inflamatórios (Voltaren); Desinfetante para as mãos à base de Álcool; Gaze; Leite em Pó - Fórmula Para Bebés; Luvas Cirúrgicas, Máscaras Respiratórias; Medicamentos Anti-infeciosos Ofalmológicos; Medicamentos Dermatológicos Tópicos; Medicamentos Gastrointestinais (Buscopan), Pensos Rápidos e outros Adesivos; Soro Fisiológico; Suplementos Vitamínicos; Produtos Desinfetantes Diversos; Pastilhas de Purificação da Água e Redes Mosquiteiras.
Bens alimentares: Leite; Papas / Cereais; Atum / Sardinhas; Salsichas; Arroz; Massas; Azeite; Óleo; Açúcar; Farinha; Bolachas; Grão e Feijão.

Nesta apresentação estiveram presentes
a associação “Vem Vencer”; o CATICA – Centro Comunitário de Coina; o CASP – Centro de Ação Social de Palhais; Centro Social e Paroquial Padre Abílio Mendes; a CERCIMB; Instituto dos Ferroviários; Jardim de Infância D. Pedro V; a Santa Casa de Misericórdia; a SDUB os Franceses e a Associação NÓS; Cantinho Alegre da Infância; o Centro Social de Santo António e o Centro Social Paroquial de Santo André.

10.05.2019 - 17:16

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.