Conta Loios

autarquias

Concelho de Palmela conta novo recurso para prestação de serviços
Unidade Móvel ao serviço da saúde e combate à COVID-19

Concelho de Palmela conta novo recurso para prestação de serviços<br />
Unidade Móvel ao serviço da saúde e combate à COVID-19 O concelho de Palmela conta com um novo recurso para prestação de serviços de saúde de proximidade. A Unidade Móvel de Saúde foi inaugurada a 7 de abril, Dia Mundial da Saúde, numa cerimónia simbólica realizada no Largo de S. João, em Palmela, e vai começar a funcionar nas próximas semanas. O objetivo é que seja um recurso a utilizar também no combate à COVID-19.

Sob a insígnia “Palmela Município + Saudável”, este é um projeto que resulta de uma estreita colaboração entre a Câmara Municipal de Palmela e a ARSLVT - Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo.
A viatura, adaptada para o efeito, conta com dois gabinetes (um para consultas que requeiram observação e outro que pode funcionar tanto para consultas, como para zona de admissão ou espera) e instalações sanitárias. Está equipado com todo o material clínico necessário, incluindo oxigénio e frigorífico com temperatura controlada para medicação. Conta ainda com um toldo e um balcão promocional no exterior, criando uma zona que pode servir para espera ou para apoio a sessões de sensibilização.
A equipa, multidisciplinar, terá a participação de profissionais do Movimento Cidadão, Unidade de Saúde Pública, Unidade de Cuidados na Comunidade, Unidade de Recursos Assistenciais Partilhados (designadamente, Assistente Social, Psicóloga, Higienista Oral, Fisioterapeuta e Nutricionista) e também das Unidades de Saúde Familiar.
A Unidade Móvel vai percorrer o concelho durante três manhãs por semana. Nos restantes horários, será utilizada para a realização de campanhas informativas e de sensibilização. Na atual situação de pandemia, prevê-se também que seja um recurso alocado ao combate à COVID-19, permitindo a testagem e vacinação das populações mais isoladas e com maiores dificuldades de deslocação, de forma mais rápida.

Investimento de 75.000€, fruto de trabalho em parceria

A Unidade Móvel representa um investimento próximo dos 75.000€, comparticipado em 50% por fundos comunitários, no âmbito do PRIA - Percursos em Rede para a Inclusão Ativa, uma candidatura desenvolvida pelos Municípios de Palmela, Setúbal e Sesimbra, enquadrada na estratégia intermunicipal Território Arrábida.
Na inauguração, o Presidente da Câmara Municipal, Álvaro Balseiro Amaro, explicou que a Unidade Móvel completa o leque dos quatro grandes projetos incluídos no PRIA: o Serviço de Teleassistência, já em funcionamento, o projeto de voluntariado que está a ser desenvolvido e a futura Pista Check-Up. Num território disperso, com mais de 465 km2 «é essencial esta intervenção de proximidade na saúde, na área preventiva», realçou.
O Presidente considera que foi «determinante o protocolo estabelecido com a ARSLVT» e aproveitou para deixar uma palavra de reconhecimento às «equipas incansáveis» de profissionais que contribuíram para concretizar este projeto, tão ambicionado.
Nuno Venade, Vogal do Conselho Diretivo da ARSLVT, elogiou a «excelente parceria com a Câmara Municipal de Palmela», que permitiu o lançamento de um conjunto de projetos, que «vão beneficiar os utentes de saúde». «Este é o primeiro de muitos outros que virão», acredita.
Também o Diretor Executivo do ACES - Agrupamento de Centros de Saúde Arrábida, Luís Pombo, destacou os frutos deste trabalho em parceria. «Volvidos mais de dois anos de trabalho conjunto, a Unidade Móvel surge hoje como recurso local de proximidade, que visa responder, de forma integrada, às necessidades de saúde e sociais da população mais isolada e com menor acesso à informação», realçou.

08.04.2021 - 11:43

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2021 Todos os direitos reservados.