Conta Loios

postais

Estação Sul e Sueste Barreiro pode passar para responsabilidade da Câmara Municipal
Um cenário colocado pelas Infraestruturas de Portugal

Estação Sul e Sueste Barreiro pode passar para responsabilidade da Câmara Municipal  <br>
Um cenário colocado pelas Infraestruturas de Portugal  <br>
. Existe uma empresa com “propostas concretas”

A Infraestruturas de Portugal em recentes contactos com a Câmara Municipal do Barreiro colocou o cenário da Estação Sul e Sueste do Barreiro passar para a responsabilidade da autarquia, tendo por objectivo facilitar as negociações com investidores e abrir pontes de ligação à cidade.

Segundo o vereador Rui Braga, vereador responsável pelo Planeamento, salientou na reunião da Câmara Municipal do Barreiro, no âmbito de uma recente visita de responsáveis da CP e das Infraestruturas de Portugal ao Barreiro, e conversações que têm sido mantidas, foi a autarquia informada que existe uma empresa com “propostas concretas” para o espaço da Estação do Sul e Sueste, no Barreiro.
O autarca salientou que a proposta da empresa – “está a ganhar corpo”.

Autarquia possa servir de intermediário

Rui Braga respondia a uma pergunta colocada no período antes da ordem do dia por Rui Lopo, que solicitou esclarecimentos sobre a evolução do dossier da antiga estação da CP, nomeadamente sobre investimentos que estavam em estudo, fruto do trabalho realizado ao longo dos últimos anos.
Segundo o vereador responsável pelo Planeamento as Infraestruturas de Portugal colocam o cenário de passar aquele espaço para a responsabilidade da autarquia.
O objectivo é que a autarquia possa servir de intermediário entre o investidor e a sua ligação à cidade.
Ou seja as Infraestruturas de Portugal passam o espaço para a Câmara Municipal do Barreiro e posteriormente a autarquia passa o espaço para o investidor.

Estão a decorrer as negociações

Segundo Rui Braga, o projecto que está previsto para a Estação Sul e Sueste – “é uma referência para a cidade” e para a sua concretização - “estão a decorrer as negociações”.
O autarca referiu que espera voltar a “sentar à mesa” numa fase que a proposta esteja mais sólida.
“Há vontade do investidor em fazer o projecto”, disse.

O novo é o município poder substituir as Infraestruturas de Portugal

Rui Lopo, salientou que o vereador Rui Braga – “não disse nada de novo ou que não se soubesse”.
O autarca sublinhou – “sei qual é o projecto”, esta era uma matéria que estava sendo acompanhada.
Referiu que estava prevista a demolição do antigo Centro Comercial e também avançar com a reparação da Estação.
“O novo é o município poder substituir as Infraestruturas de Portugal”, disse.

Conceito para o projecto não está “trancado”

Rui Braga, acrescentou que o conceito para o projecto não está “trancado” e quando existirem mais dados concretos sobre o investimento – “iremos informar”.
O autarca considera que este investimento vai ter uma importância vital e vai ter impacto na economia e no turismo.

13.01.2018 - 20:22

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2020 Todos os direitos reservados.