Conta Loios

postais

Na Escola Superior de Tecnologia do Barreiro
Uma bela moldura humana enriqueceu a sessão de entrega de Rostos do Ano

Na Escola Superior de Tecnologia do Barreiro<br />
Uma bela moldura humana enriqueceu a sessão de entrega de Rostos do Ano<br />
No âmbito das comemorações do 17º aniversário do jornal «ROSTOS», no sábado à tarde, no Auditório da Escola Superior de Tecnologia do Barreiro, decorreu a sessão de entrega das distinções «Rostos do Ano 2017».

Uma sala marcada por um grande calor humano, com a presença de muitos rostos que fazem o concelho do Barreiro e, que, pelas suas acções, contribuíram para valorizar o Barreiro.

O jornal «Rostos» atribui anualmente a distinção «Rostos do Ano», com a colaboração de jornalistas locais. Destacar aqueles que pela sua acção contribuíram para dignificar o Barreiro e valorizar a imagem da cidade,
Os «rostos do ano 21017», foram os seguintes:

Rosto do Ano 2017
Patricia Gaspar

Patrícia Gaspar é licenciada em Relações Internacionais e serviu na Marinha portuguesa entre 1996 e 2000, ano em que ingressou nos quadros do ex-Serviço Nacional de Proteção Civil, atual Autoridade Nacional de Proteção Civil.
Desempenhou funções no Gabinete de Relações Internacionais entre 2000 e 2007 e foi Adjunta de Operações Nacional entre 2007 e 2013, ano em que foi nomeada Comandante Operacional Distrital de Setúbal, cargo desempenhado até janeiro de 2017, data em que regressou às funções de Adjunta de Operações Nacional.
É perita certificada no âmbito do Mecanismo de Proteção Civil da União Europeia e das Nações Unidas, tendo já participado em diversas missões internacionais ao abrigo destes mecanismos e em outras missões de âmbito bilateral.
Em 5 de Dezembro de 2017 assumiu o cargo de 2.º Comandante Operacional Nacional, Patrícia Gaspar.
Patricia Gaspar, é merecidamente o «ROSTO DO ANO 2017», pelo seu empenho e entrega a uma causa que vive de forma apaixonada – a sua vida!

Rostos do Ano 2017
«Modernização»
Hospital do Barreiro

O Centro Hospitalar Barreiro Montijo, no ano 2017, desenvolveu no Hospital do Barreiro, uma significativa renovação de equipamentos e instalações.
No global estima-se a realização de investimentos superiores a oito milhões de euros.
O objectivo central visa de prestar melhor serviço à comunidade e criar melhores condições para o exercício da actividade aos seus profissionais.
O Centro Hospitalar Barreiro Montijo procura diariamente servir a população e contribuir para uma sociedade mais saudável. Todos sabemos que não é tarefa fácil, nos dias de hoje, a prestação de cuidados de saúde.
O Hospital do Barreiro apesar de todas as dificuldades procura disponibilizar todos os recursos necessários para desenvolver uma atividade clínica de elevada diferenciação técnica, qualidade assistencial e segurança do doente, modernizando os serviços.
É justo este reconhecimento como Rosto do Ano 2017, na área da Modernização, ao Hospital do Barreiro, e, valorizar o papel e a imagem do Centro Hospitalar Barreiro Montijo.

Rostos do Ano 2017
«Escritor»
Fernando Sobral

“No Barreiro aprendi muito do que transparece nos meus livros, mesmo quando eles são passados noutras latitudes”, sublinha Fernando Sobral, jornalista escritor.
Fernando Sobral nasceu em 1960, depois de frequentar a Faculdade de Direito, optou pelo mundo da escrita.
Hoje, tem mais de uma dezena de livros publicados, entre romances e obras de carácter histórico, económico e político. Entre outras das suas obras, estão “Alfredo da Silva” ou “A CUF e o Barreiro”. No “Jornal de Negócios”, manteve durante vários anos, a coluna de opinião política “O Pulo do Gato.
É Jornalista desde os anos 80 escreveu para publicações de referência. Foi, ainda, um dos fundadores da “Rádio Sul e Sueste”.
Marcou presença na televisão, antes e depois do nascimento das estações privadas, colaborando em programas musicais e dedicados à literatura.
Fernando Sobral, afirma que, no Barreiro aprendeu a ser curioso, curiosidade essa que tenta fazer transparecer no que escreve.
Hoje e aqui, o abraço a Fernando Sobral, atribuindo-lhe merecidamente a distinção Rosto do Ano 2017, na área Escritor.

Rosto do Ano 2017
«Inovação»
Transportes Colectivos do Barreiro - TCB

Os Transportes Colectivos do Barreiro – TCB – são parte integrante do Barreiro moderno, são um elemento estruturante da sua vida social e empresarial, assim como, cada vez mais, para os concelhos limítrofes.
O ano de 2017 vai ser uma referência na história dos TCB, quer pela tomada de decisão de aquisição de 60 novos autocarros a gás natural, renovando a totalidade da sua frota, quer pelo alargamento da sua rede ao concelho da Moita, o arranque do serviço integrado das bike, ou a criação de sistemas de informação com base nas novas tecnologias, proporcionando informação em tempo real nas paragens.
O Barreiro e os Barreirenses começam a sentir que está a nascer o modelo de Transportes Públicos do seculo XXI.
A atribuição da distinção Rosto do Ano, na área da Inovação, é, justificadamente atribuída aos TCB.

Rostos do Ano 2017
«Cidadania»
Mónica Duarte

A distinção «Rosto Cidadania» é atribuída a uma personalidade que pela sua acção contribuiu para valorizar as práticas de intervenção na vida da comunidade.
Mónica Duarte, é o rosto que, com outros rostos, apostou em projetos, deu-lhes vida e, na prática, com actos, fez um Barreiro mais bonito.
Podemos referir o trabalho desenvolvido em torno do projectgo «Art In Town» ou o «Dia B», dois exemplos de cidadania activa que contribuiram para melhorar a qualidade de vida no concelho, dinamizar a participação e o envolvimento da comunidade no fazer cidade, quer motivando crianças a pintar as suas escolas, os vizinhos a arranjar os seus canteiros, ou os associados a embelezar as suas sedes, todos vivendo o verbo “fazer”.
O Dia B contou com mais de 8000 participantes e 30 parceiros locais. O Art In Town permite contar aos barreirenses e aos visitantes a história do concelho através da arte urbana.
Mónica Duarte, é merecedora da distinção «Rosto do Ano 2017» , na área da Cidadania.

Rosto do Ano 2017
«Jovem»
Diogo Coelho, João Iria e João Monteiro

A juventude é um tempo de criatividade, de sonho, de construção, de projectos.
Ser jovem é olhar o futuro com essa dimensão que se projecta num amplo horizonte.
Diogo Coelho; João Iria e João Monteiro, três jovens barreirenses que se uniram num projecto de escrita que se pretendem que se estenda por diversas áreas criativas.
Eles são um exemplo do sonhar, do fazer, do criar, um projecto que começou num livro, um livro que é uma saga, com várias histórias soltas.
Um livro de contos que nascem dentro de uma cidade inventada. Um livro que é, afinal, a motivação que vai fazer nascer vários projectos.
São três rapazes barreirenses que ousaram sonhar e ousaram fazer, para eles - Diogo Coelho; João Iria e João Monteiro, a distinção Rosto do Ano 2017, na área Jovem.

Rostos do Ano 2017
«Comunicação Social»
Nuno Santa Clara

Nuno Santa Clara, capitão de Abril, um dos rostos que abriu caminho, naquela inesquecível madrugada, para construir este tempo que se escreve, aqui e agoira, com a palavra Liberdade.
Foi candidato à presidência da Câmara Municipal do Barreiro, tendo sido eleito vereador, cargo que exerceu com toda a sua disponibilidade e espirito de missão.
Nuno Santa Clara viveu sempre próximo do mundo da comunicação social, apesar da sua paixão pelas edições impressas e gostar de sentir o cheiro do papel, não se afastou da realidade actual, e, no Rostos on line, é uma presença regular, assídua e voluntária.
Colunista do jornal “Rostos”, seus textos são reflexões, farpas, análise politica, critica social, com uma abordagem sobre temas nacionais e internacionais de actualidade, com rigor e com valores - sempre em cima do acontecimento.
Merecidamente atribuímos a Distinção Rosto do Ano 2017, na área da Comunicação Social.

Rosto do Ano 2017
Ambiente
S. energia

A S.ENERGIA assinalou uma década da sua actividade no ano de 2017. Um trabalho que, de facto, muitas vezes tem pouca visibilidade, mas que tem sido um contributo essencial no apoio aos municípios na definição e implementação de políticas de eficiência energética e energias renováveis, promovendo deste modo a sustentabilidade ambiental dos territórios dos concelhos do Barreiro, Moita, Montijo e Alcochete.
A S.ENERGIA é uma referência em matéria de energia e do ambiente, desenvolvendo um trabalho, que, todos sabemos, é cada vez mais urgente, na mitigação e adaptação às alterações climáticas.
Um exemplo, real, a substituição de mais de 26.000 lâmpadas fluorescentes nas escolas do ensino básico.
A distinção Rosto do Ano 2017, na área do Ambiente, à S. Energia, é, sem dúvida, um reconhecido agradecimento a uma instituição que, hoje, constrói futuro.

Rosto do Ano 2017
«Memória»
Cabós Gonçalves

Cabós Gonçalves, faleceu no dia 20 de Maio de 2017, foi fundador do Partido Socialista no concelho do Barreiro, um militante critico e irreverente.
Uma figura carismática, de permanente intervenção cívica que deu tudo de si, pelo Barreiro e de entrega ao Barreiro, sua terra natal.
António Cabós Gonçalves realizou um dos seus últimos desejos, após anos de afastamento, retomou a sua militância no Partido Socialista – o militante nº 129.
Cabós Gonçalves, Solicitador de profissão, activista civico, homem de causas, polémico, sempre com opinião, procurando sempre servir e defender os seus pontos de vista em prol da valorização do Barreiro.
Pela sua dedicação ao Barreiro, pela sua entrega a causas, pela sua postura de acção cívica, foi decidido atribuir, com justiça, a distinção de «Rosto do Ano» Memória, a António Cabós Gonçalves.

Rostos do Ano 2017
«Veterano»
Luciano Barata

Luciano Barata é uma personalidade cuja intervenção foi, é, e vai continuar a ser uma referência no pensar, sentir e fazer Barreiro.
Um homem da vida cultural, um rosto do teatro, área onde, há dez anos atrás, merecidamente foi distinguido como «Rosto do Ano». O encenador, o actor, o cidadão, um homem de causas e de acção cultural.
Aqui e agora, o justo reconhecimento a Luciano Barata, na área “Veterano”, uma distinção que visa prestar o agradecimento aos que, ao longo de anos, afirmaram a sua presença activa e permanente na vida da cidade.
Luciano Barata Rosto do Ano, merecidamente recebe esta distinção, pela sua perseverança, pelo seu amor e pela sua entrega apaixonada à arte, à cultura, ao fazer cidadania, inscrevendo-se na história e nas memórias do concelho do Barreiro.

Rosto do Ano 2017
«Associativismo»
SFAL
Sociedade Filarmónica Agrícola Lavradiense

Para uns é «A Velhinha», para outros «A Sociedade» ou ainda apenas, e só – A SFAL – Sociedade Filarmónica Agrícola Lavradeinse, a mais antiga Colectividade do concelho do Barreiro, fundada em plena Monarquia Constitucional, no ano de 1867, reinava em Portugal D.Luis.
A sua história e as suas memórias inscreveram-se na monarquia, na República, no Estado Novo e no Portugal nascido com Abril.
A SFAL é, sempre foi, um espaço de Liberdade, de criatividade, de encontro de gerações, assumindo o seu papel vivo e dinâmico de «largo da terra».
O ano de 2017 foi marcado pelas comemorações dos seus 150 anos. Um efeméride que deu origem à vivência de momentos evocativos da sua história, revivendo-se actividades diversas desde a fotografia ao teatro, desde a ginástica ao karaté, desde os bailes aos debates.
Merecidamente a SFAL recebe a distinção Rosto do Ano 2017, na área do Associativismo.

ROSTO DO ANO 2017
Solidariedade Social
Cooperativa RUMO

A Rumo, Cooperativa de Solidariedade Social, CRL, viveu o ano 2017 marcado por grandes dificuldades, um processo ultrapassado com a ajuda e o empenho da comunidade com quem trabalha, e, naturalmente por todos aqueles que fazem o dia-a-dia da instituição.
Desde o CIC, a Residência de jovens, a Escola Conde Ferreira, o protocolo de Rendimento Social de Inserção, os CLDS do Barreiro e Moita, o Projeto Cumplicidades- Escolhas E6G, a dinamização da Rede de Empregabilidade, o GIP ou os projetos como o Formar e o Centro de Recurso, todas estas áreas de intervenção são exemplos diários das dinâmicas que marcam o trabalho da RUMO, na comunidade e pela comunidade, que são merecedores deste justo reconhecimento como ROSTO DO ANO na área da Solidariedade Social.

Rosto do Ano 2017
ENSINO
Escola Superior de Tecnologia do Barreiro

Foi no dia 15 de Novembro, no ano lectivo de 1999/2000, que o Barreiro viu nascer o Ensino Superior.
A Escola Superior de Tecnologia do Barreiro tem vindo a afirmar-se como uma referência nacional e internacional, e, pelo seu trabalho, já mereceu o reconhecimento como uma das instituições de ensino, de uma lista muito restrita, referenciada de excelência ao nível do binómio ensino-aprendizagem, facto que motiva a sua internacionalização.
A Escola Superior de Tecnologia do Barreiro tem vindo a reforçar os seus indicadores ao nível da sua actividade na área de investigação, no desenvolvimento e inovação.
No seu projecto educativo é importante referir a criação de diversos Cursos de Mestrado, tendo atingido, no ano 2017, o maior número de alunos a frequentar licenciaturas e mestrados.
A atribuição da distinção «Rosto do Ano» na área do Ensino, é um reconhecimento pela sua importância no panorama do ensino superior ao nível nacional. e, igualmente, pela sua permanente ligação à comunidade.

Rosto do Ano 2017
Escola de Jazz do Barreiro
Música

A Escola de Jazz do Barreiro ao longo dos anos tem vindo a marcar presença em diversos pontos do país, sendo uma referência reconhecida, no mundo das artes e da música em Portugal.
A Escola de Jazz do Barreiro tem vindo, de ano para ano, a consolidar a sua missão: promover o conhecimento da música de jazz e proporcionar competências aos seus alunos.
Estes seus desígnios são confirmados pelo número sempre crescente de alunos e pela integração dos mesmos no mercado de trabalho.
Merecem destaque especial na actividade da Escola de Jazz do Barreiro o ensino de música a crianças e a manutenção da Big Band.
A Escola de Jazz do Barreiro mantém uma permanente ligação à comunidade do Barreiro, por todas a sua dinâmica recebe a distinção «Rosto do Ano 2017, na área da Música.

Rostos do Ano 2017
Rosto «Cultura»
ARTE VIVA – COMPANHIA DE TEATRO DO BARREIRO

A Arte Viva - Companhia de Teatro do Barreiro mantém vivo um espaço cultural no centro da cidade - o Teatro Municipal – onde é companhia residente.
No ano 2017 foram assinalados 20 anos de actividade do Teatro Municipal do Barreiro, por onde ao longo destes anos já passaram milhares de espectadores, ali, onde 5 encenadores deram asas à imaginação e cerca de 40 actores, técnicos e colaboradores deram vida a personagens de comédias ou musicais infantis.
Uma actividade intensa de arte viva que se reflecte na acção dos 11 monitores da escola de teatro, frequentada por mais de 130 alunos.
A Arte Viva que desde 1980 já realizou 75 produções teatrais, é uma referência cultural que merecidamente recebe a distinção «Rosto do Ano» na área da Cultura.

Rostos do Ano 2017
Rosto «Desporto»
Fernando Paiva – Nanã

Fernando Paiva – Nanã – foi o treinador da equipa de Futsal do Grupo Desportivo Fabril do Barreiro que na época passada subiu à Liga Sport Zone. Um feito que contribuiu para que se tenha escrito uma página da história do Futsal, do concelho do Barreiro e do distrito de Setúbal.
“Este prémio vai-me ser entregue a mim mas é de todos os intervenientes da conquista da subida à 1ª divisão; estrutura, restante equipa técnica e em especial dos jogadores”, afirmou Fernando Paiva, quando tomou conhecimento da distinção.
Um homem que vive o Futsal de forma apaixonada, Nanã, como é conhecido pelos amigos, atletas e adeptos, do mundo do Futsal, foi justamente distinguido como «Rosto do Ano 2017» na área do Desporto.

Rosto do Ano 2017
André Pinotes
Politico

O ano de 2017 foi marcado por uma intensa actividade politica ao nível local, não fosse, esse, o ano de eleições autárquicas.
No concelho do Barreiro registou-se uma mudança de liderança no Poder Local, com a vitória esmagadora do Partido Socialista.
Uma personalidade que, pela sua atividade influenciou a acção e a vida politica no concelho do Barreiro, foi André Pinotes Batista, líder do PS Barreiro.
“ A vida e a minha atividade política, em particular, têm me ensinado que a transformação da sociedade é um caminho longo, que se percorre com firmeza de ideais”, afirma André Pinotes.
André Pinotes vive para a politica, pela politica, tem a politica no sangue, é, sem dúvida, um rosto da vida politica local, regional e nacional, merecidamente, recebe a distinção Rosto do Ano 2017 - na área Politica.

Rosto do Ano 2017
Autarca
Naciolinda Silvestre

Naciolinda Silvestre foi a única presidente, de um órgão autárquico no concelho do Barreiro, que nas últimas eleições autárquicas, obteve o apoio dos eleitores, sendo, portanto a única presidência reeleita.

A autarca é um exemplo do fazer trabalho de proximidade, com grande respeito pela população da União de Freguesias, vivendo o lema- "As Pessoas estão sempre em primeiro lugar".
A presidente da União de Freguesias de Palhais e Coina, sublinhou sempre a importância de realizar a sua actividade com uma EQUIPA – os eleitos e os trabalhadores da autarquia - porque, só assim realizam a sua missão que é servir todos aqueles necessitam de ajuda e dos serviços prestados pela autarquia.
Por este exemplo de dedicação e serviço público é justamente atribuída a distinção «Rosto do Ano – Autarca» a Naciolinda Silvestre.

16.12.2018 - 22:14

Imprimir   imprimir

PUB.

PUB.





Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design. Fotografia e Textos: Jornal Rostos.
Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.