Conta Loios

postais

O Barreiro a um metro
Por André Silva Antunes
Almada

O Barreiro a um metro<br />
Por André Silva Antunes <br />
Almada Saí de casa a correr. Eram treze horas e tinha de estar no Barreiro às quinze. Uma pressa exagerada, pensará o leitor desatento, mas desengane-se. No que toca à rede de comboios da região, qualquer ligeiro atraso traz consigo uma pena severa – pena essa que não tinha tempo para cumprir.

Não hoje. Felizmente cheguei ainda a tempo de apanhar o primeiro comboio, etapa inicial de uma jornada longa, que ainda ia no seu começo.

O Fertagus com ligação Lisboa-Setúbal continha em si vários rostos, uns conhecidos, outros nem por isso. Quanto aos conhecidos, é curioso constatar a maneira como, de um trajeto regular num qualquer transporte, nasce uma espécie de comunidade, uma teia silenciosa de caras desconhecidas que se vão reconhecendo em silêncio. O homem de negócios engravatado, a rapariga de olhos verdes que todos os dias entra no Fogueteiro, a senhora de idade que todos os dias se senta no mesmo lugar, todos têm uma história para contar. Será que estão a pensar no mesmo que eu? Talvez.

À saída do Pinhal Novo soube da greve. «Outra vez?» pensei, de forma egoísta, reconheço-o. Os trabalhadores têm todo o direito a lutar por melhores condições e tratamento. Mas convenhamos que, do ponto de vista do passageiro, escolhem sempre a pior altura para o fazer. Lá me dignei a esperar, e não tive de o fazer por muito tempo – o atraso foi ligeiro e pude arrepiar caminho até ao meu destino. Sorte, por uma vez.

No comboio da CP, de olhos postos na janela, pude respirar e refletir, contemplando a paisagem exterior enquanto o fazia. Vieram-me à memória as notícias recentes, sobre a reabertura do troço que liga as cidades da Covilhã e de Guarda.
Questionei-me se, nesta nossa região de Setúbal, seria sempre assim. À medida que chegava ao meu destino no fim do mundo, lembrei-me de um velhinho filme, com um nome peculiar - «A lua a um metro». Quanto à lua não sei, mas por vezes o Barreiro parece mesmo estar.

André Silva Antunes
Estágiário IPS

Foto - Fonte: Portal mapio.net (https://mapio.net/wiki/Q8202346-pt/)

03.05.2021 - 21:20

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2021 Todos os direitos reservados.