Conta Loios

postais

Memorial do Mestre Herminio Gil Martins
Vai assinalar as Bodas de Diamante da Escola Alfredo da Silva
. A mais antiga do concelho do Barreiro

Memorial do Mestre Herminio Gil Martins  <br />
Vai assinalar as Bodas de Diamante da Escola Alfredo da Silva<br />
. A mais antiga do concelho do Barreiro . “Foi aqui que muitos corações se cruzaram e uniram para uma vida em comum. Eramos jovens felizes”

O autor do Memorial que vai assinalar os 75 anos da Escola Alfredo da Silva tem tantos anos de vida como aqueles que a Escola Alfredo da Silva, assinala hoje dia 12 de janeiro de 2022.
Herminio Martins é natural do Barreiro, frequentou aquele estabelecimento de ensino entre 1960 e 1965, no Curso de Formação de Serralheiro.

Herminio Gil Martins estuou na Força Aérea Portuguesa, onde concluiu o Curso de Mecânica Material Terrestre na Força Aérea, durante quatro anos, dois dos quais em África.
Exerceu, durante 31 anos, actividade profissional na empresa Diamante Boart Portuguesa, especializada em diamantes para a indústria.
Tirou um Curso de Artes Visuais, com o Mestre Sá Nogueira, tem obras suas em diversas colecções quer em Portugal, quer espalhadas pela Europa, nomeadamente em França e na Alemanha.

Escola mais antiga do concelho do Barreiro

Entre as várias iniciativas que estão sendo programadas para assinalar os 75 anos da Escola Alfredo da Silva, que vão decorrer ao longo do ano 2022, o Mestre Herminio Gil Martins, concebeu uma escultura, que vai ser instalada na sua escola, como memória das bodas de diamante, daquela que é a escola mais antiga do concelho do Barreiro.

Centro de ensino sempre em crescimento

“Nada melhor que uma árvore para representar a EICAS com centro de ensino sempre em crescimento. Ela foi sempre responsável pelo desenvolvimento crescente dos alunos que a frequentaram. Aqui tem inicio a preparação para a vida futura.”, refere Hermino Martins.
Sublinha que na sua escultura, os Cursos lecionados são representados pelas respectivas cores,
Recorda que muitos que frequentaram a Escola Alfredo da Silva atingiram graus de formação elevados, em várias áreas profissionais e exerceram funções em lugares de destaque.

Eramos jovens felizes

“Fomos pássaros que voamos para o mundo do trabalho e eramos pretendidos preferencialmente pelas empresas. Quem aqui passou tem motivos para estar grato pela formação recebida”, refere Herminio Martins.
“Foi aqui que muitos corações se cruzaram e uniram para uma vida em comum. Eramos jovens felizes”, acrescenta.
“O memorial procura representar o que a escola é: uma árvore em permanente crescimento, cujo fruto são pássaros a iniciar uma nova vida”, salienta Herminio Martins

12.01.2022 - 00:11

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2022 Todos os direitos reservados.