Conta Loios

bastidores

Aniversários do PCP e do 25 de Abril
Comemorados na Freguesia de Palmela

Aniversários do PCP e do 25 de Abril <br />
Comemorados na Freguesia de PalmelaMais de trinta militantes e amigos do PCP voltaram no passado sábado ao Grupo Desportivo e Cultural “Ídolos da Baixa”, em Palmela, num almoço-convívio comemorativo do 98º Aniversário do Partido e do 45º da Revolução do 25 de Abril, promovido pela Comissão de Freguesia.

Domingos Cordeiro e Vanessa Ferreira, deste organismo, foram os primeiros a tomar a palavra, seguindo-se-lhes Luís Barata, que fez particular enfoque ao Comunicado do Comité Central do PCP, do qual faz parte, que reuniu a 8 de Abril.
As consecutivas e abrangentes lutas dos trabalhadores e de várias camadas e sectores da sociedade contra a política do actual Governo, que nos aspectos fulcrais se submete ao imperialismo e aos ditames da política da União Europeia, pondo em causa a soberania e o desenvolvimento nacionais, e a necessária mobilização para um bom resultado da CDU nas Eleições para o Parlamento Europeu a 26 de Maio, foram as traves-mestre da intervenção de Luís Barata. Mas este não podia deixar de apelar à participação ainda a 27 deste mês na inauguração parcial, numa primeira fase, do Parlatório, do Segredo e de um Memorial do Forte de Peniche, primeiro acto público de massas antecedendo o que virá a ser o Museu Nacional da Resistência e da Liberdade, evento no qual a URAP, União dos Resistentes Antifascistas Portugueses, tem papel destacado na organização dinamizando excursões a nível nacional, designadamente a partir de Palmela, que garantem já muitas e muitas centenas de presenças. Uma vitória contra os desígnios de o Forte vir a ser transformado num espaço histórico em grande parte submetido à gestão privada.

V.S.

15.04.2019 - 00:04

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.