Conta Loios

bastidores

Barreiro - Documento do Partido Social Democrata
Plano de Ação para a mitigação dos problemas no transporte fluvial

Barreiro - Documento do Partido Social Democrata <br>
Plano de Ação para a mitigação dos problemas no transporte fluvial<br>
O Partido Social Democrata, na reunião da Câmara Municipal do Barreiro, de hoje, apresentou o documento - "Plano de Ação para a mitigação dos problemas no transporte fluvial".

O PSD refere que os tempos recentes na travessia fluvial entre o Barreiro e Lisboa têm sido marcados pelo caos constante e por constrangimentos diários.

Pelo seu interesse divulgamos o texto integral do documento do PSD que foi apresentado, hoje na reunião da Câmara Municipal do Barreiro.

Partido Social Democrata
Plano de Ação para a mitigação dos problemas no transporte fluvial

Os tempos recentes na travessia fluvial entre o Barreiro e Lisboa têm sido marcados pelo caos constante e por constrangimentos diários, conduzindo a um prejuízo inegável para os seus utilizadores que dependem do serviço para se deslocar para o trabalho, para a escola ou para as instituições de ensino superior.

Para além dos atrasos, boa parte das travessias têm sido suprimidas em horários de grande afluência. Tal provoca a acumulação de pessoas nos cais, a dificuldade na entrada dos navios e alguns casos de violência entre passageiros, funcionários e até infraestruturas.

O problema tem vindo a agravar-se devido à falta de resposta às necessidades da empresa no que diz respeito aos recursos humanos, mas é um problema que não se esgotou na recente greve dos mestres e na falta destes para assegurar a navegabilidade dos navios.

O problema tem, também, que ver com a falta de manutenção das embarcações e com um aumento significativo da procura após a redução do preço do passe, sem que nada tenha sido feito para que a resposta a esse aumento fosse eficaz e permitisse o normal funcionamento do meio de transporte utilizado por dezenas de milhares de pessoas diariamente.

Mas o problema fundamental prende-se com uma falta de investimento na Soflusa por parte do Governo, embora o mesmo tenha sido prometido pelo Primeiro-Ministro várias vezes ao longo dos últimos dois anos. Apesar das promessas, alguns navios continuam sem a necessária manutenção e são cada vez menos os que estão operacionais.

A Câmara Municipal do Barreiro não pode ficar indiferente aos constrangimentos sentidos por milhares de barreirenses e deve levar a efeito um conjunto de ações que contribuam para a mitigação deste flagelo e que demonstrem que estamos do lado do povo do Barreiro.

Assim, propomos:

1. Reunir de urgência com o Primeiro-Ministro e o Ministro da tutela

2. Exigir ao Governo o solucionamento célere dos transtornos na travessia fluvial, mediante investimento na Soflusa

3. Reforçar de forma permanente e articulada as ligações via TCB à estação ferroviária de Coina.

Fonte - PSD

19.06.2019 - 21:47

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.