Conta Loios

bastidores

Concelhia da Moita do Partido Comunista Português
Campanha eleitoral venceu obstáculos, silenciamentos e preconceitos

Concelhia da Moita do Partido Comunista Português <br />
Campanha eleitoral venceu obstáculos, silenciamentos e preconceitos A Comissão Concelhia da Moita do PCP reafirma aos trabalhadores e ao povo da Região que, hoje como sempre, seremos fiéis aos compromissos assumidos, iremos com os resultados eleitorais obtidos e os mandatos alcançados, prosseguir com determinação e independência política a intervenção e luta pela melhoria das condições de vida.

PARTIDO COMUNISTA PORTUGUÊS
Organização Concelhia da Moita

A Comissão Concelhia da Moita do Partido Comunista Português reuniu e analisou os resultados das Eleições Legislativas e a situação política e social do nosso país, da nossa região e do nosso concelho.

Os resultados eleitorais na Península de Setúbal comportam elementos distintos que importa ter presente na avaliação do seu significado e no quadro político que deles resultam. A CDU obtém 62 336 votos e três mandatos, um dos quais do PEV, um resultado inferior ao anteriormente alcançado; O PS apesar de ver reforçados a sua votação e mandatos não consegue, quer no plano regional quer no plano nacional obter a maioria absoluta; o PSD e o CDS vêm ser reconfirmada e aprofundada a condenação que há quatro anos os portugueses tinham dado à sua politica; o BE reduz a sua votação na Região e não cresce a sua influência; o PAN consegue eleger um deputado.

A Comissão Concelhia saúda os militantes do PCP, da ID, do PEV e os candidatos pela sua corajosa e dedicada participação na campanha eleitoral que, com o seu valioso e imprescindível contributo militante, construir uma campanha eleitoral que venceu obstáculos, silenciamentos e preconceitos e permitiu assegurar o resultado obtido.

A Comissão Concelhia da Moita do PCP reafirma aos trabalhadores e ao povo da Região que, hoje como sempre, seremos fiéis aos compromissos assumidos, iremos com os resultados eleitorais obtidos e os mandatos alcançados, prosseguir com determinação e independência política a intervenção e luta pela melhoria das condições de vida dos portugueses e para a criação de caminhos e condições politicas para o desenvolvimento de uma politica patriótica e de esquerda que defendemos e responde aos problemas nacionais e às aspirações populares.

Continuaremos a trabalhar para melhorar a vida dos trabalhadores e do povo no concelho da Moita, por mais emprego e emprego com direitos, por melhores reformas e pensões, pela construção do Quartel da GNR na Moita e da Esquadra da PSP na Baixa da Banheira, por melhor ambiente, por mais e melhores transportes públicos, por melhores acessibilidades destacando a Terceira Travessia do Tejo rodo-ferroviária e o novo aeroporto de Lisboa no Campo de Tiro de Alcochete, a Circular da Moita e o alargamento do Metro Sul do Tejo, por mais investimento na saúde na manutenção dos centros de saúde existentes no concelho e pela construção do novo Centro de Saúde da Baixa da Banheira, por mais médicos e enfermeiros ao serviço da população, pela construção dos pavilhões em falta na Escola Secundária da Baixa da Banheira, na Escola Mouzinho da Silveira, da Escola 2+3 no Vale da Amoreira e da Escola 2+3 Fragata do Tejo, por uma repartição de Finanças na Baixa da Banheira.

Contem connosco, nós contamos convosco, porque Avançar é Preciso!

Alhos Vedros, 14 de Outubro de 2019

15.10.2019 - 20:09

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.