Conta Loios

bastidores

Assinatura do Contrato de Serviço Público da Soflusa Transtejo
Deputados do PS de Setúbal saúdam mais um problema antigo que é resolvido

Assinatura do Contrato de Serviço Público da Soflusa Transtejo <br />
Deputados do PS de Setúbal saúdam mais um problema antigo que é resolvido Os Deputados do PS de Setúbal saúdam mais um problema antigo que é resolvido pelo Partido Socialista, com a assinatura do Contrato de Serviço Público da Soflusa Transtejo, que confere 75.000.000M€ para investimento e estabilização na gestão.

O transporte público constitui a mais democrática e sustentável garantia do cumprimento do direito à mobilidade de milhões de portugueses que, através do recurso ao mesmo, cumprem as suas jornadas de trabalho, estudo e até de visitação.

Neste quadro, o grupo Transtejo/Soflusa assegura a travessia de milhões de passageiros/ano nas linhas de Barreiro, Montijo e Seixal ao Terreiro do Paço e Cais do Sodré, prestando um serviço público que, ao longo dos últimos cinco anos, tem vindo a ser reforçado na sua qualidade, previsibilidade e segurança.

Na passada quarta feira, foi assinado o contrato de Serviço Público da Transtejo, numa cerimónia que contou com a presença do Ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, do Secretário de Estado do Tesouro, Miguel Cruz, bem como de um conjunto de autarcas da região.

Esta é uma luta antiga dos Deputados do PS eleitos por Setúbal, que nas últimas duas legislaturas se bateram ferreamente pela sua concretização como forma de conferir mais resiliência a um serviço tão indispensável e que permitirá a estabilização da gestão e a renovação de frotas e equipamentos.

Em suma, esta é uma decisão justa e necessária, conseguida também com o empenho resistente do Secretário de Estado da Mobilidade, Eduardo Pinheiro, que além de múltiplas reuniões e contactos com os parlamentares socialistas, tudo fez para arrepiar o caminho de abandono a que o Governo de Pedro Passos Coelho e Paulo Portas vetaram a empresa, numa tentativa mais ou menos assumidas de a delapidar para posteriormente privatizar.

Por fim, mas não menos relevante, recordamos que a aquisição de 10 novas embarcações, movidas a energias amigas do ambiente, se encontra em fase muito avançada de efetivação.

Nas palavras do Deputado André Pinotes Batista, membro da Comissão de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação onde detém a responsabilidade de acompanhar as matérias relativas aos transportes: «Esta Resolução, que vem autorizar o pagamento, após visto do Tribunal de Contas, entre 2021 e 2025, de um valor de até 75 milhões de euros, correspondentes a cerca de 14 milhões de euros de compensações financeiras pela disponibilização das infraestruturas, e cerca de 60 milhões de euros pelo cumprimento de obrigações de serviço público, constitui um passo histórico na defesa do serviço público de transportes».

Assim, os deputados Ana Catarina Mendes, Eurídice Pereira, Maria Antónia Almeida Santos, Filipe Pacheco, André Pinotes Batista, Sofia Araújo, Fernando José, Clarisse Campos e Ivan Gonçalves congratulam-se publicamente com esta decisão, que vem corporizar os esforços dedicados durante anos a este problema.

São Bento, 08 de outubro de 2020

Fonte - PS

08.10.2020 - 19:12

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2020 Todos os direitos reservados.