Conta Loios

bastidores

Candidatos do Bloco de Esquerda de Setúbal visitam Parque da Comenda
Defesa deste património que tem de ser de todos e não dos interesses privados

Candidatos do Bloco de Esquerda de Setúbal visitam Parque da Comenda<br />
Defesa deste património que tem de ser de todos e não dos interesses privados Neste sábado, candidatos do Bloco de Esquerda pelo círculo eleitoral do distrito de Setúbal, visitaram o Parque da Comenda, em plena Serra da Arrábida, Setúbal, local com séculos de história e de usufruto dos vários proprietários e das várias gentes que ao longo dos tempos, beneficiaram deste bem inestimável.

Os candidatos Tânia Ramos, Adelino Fortunato, Mário André Macedo, Francisco Morais e Márcia Santos, acompanhados por membros da Associação de Cidadãos pela Arrábida e Estuário do Sado, que elucidaram a comitiva do BE sobre a história da Herdade da Comenda e informando do atual conflito entre a defesa do usufruto e acesso público a este património ambiental, com o levantamento de vedações atrás de vedações, em caminhos dentro do Parque Natural da Arrábida que até à aquisição pelos atuais proprietários, Seven Properties, uma sociedade de investimentos imobiliários, não tinham qualquer barreira artificial, podendo usufruir, sem danificar, deste património ambiental e natural.
Mas se do ponto de vista legal os proprietários adquiriram o direito de usar e dispor da propriedade sem restrições, não podem, contudo, ir contra as leis e restrições que, com elas, possam existir.

O Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda já questionou o governo sobre esta matéria e também qual o papel que cada um dos intervenientes tem tido neste processo, nomeadamente o Ministério do Ambiente, ICNF e também a Câmara Municipal de Setúbal, que face às contínuas transgressões praticadas continuam a não exercer a sua autoridade sobre esta atitude dos proprietários.

Continuar neste silêncio e falta de transparência na tomada de medidas um bem ambiental que é a Arrábida, só pode merecer da parte do Bloco de Esquerda o seu total desacordo e estar ao lado das populações na defesa deste património que tem de ser de todos e não dos interesses privados da Seven Properties.

Fonte - BE

23.01.2022 - 18:00

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2022 Todos os direitos reservados.