bastidores

BARREIRO - Comissão de Freguesia de Coina do PCP
Abaixo-assinado com mais de 500 assinaturas reivindica reabertura da Extensão de Saúde de Coina

BARREIRO - Comissão de Freguesia de Coina do PCP<br />
Abaixo-assinado com mais de 500 assinaturas reivindica reabertura da Extensão de Saúde de Coina "E, por isso, esta nossa reivindicação irá continuar. Pois, foi com a luta dos utentes e do PCP que, em 2016, se conseguiu alargar o
período de atendimento nesse Centro de Saúde. E será com essas mesmas forças e a luta da população que este equipamento será reaberto e voltará à sua função inicial, respondendo às necessidades de quem aqui vive, estuda e trabalha", afirma em comunicado a 3
Comissão de Freguesia de Coina do Partido Comunista Português.

Entre falar e fazer, há muito que dizer: que direito à saúde em Coina?

No início deste mês de junho faz três meses que a Comissão de Freguesia de Coina do PCP entregou, junto do Agrupamento de Centros de Saúde do Arco Ribeirinho e em reunião da Câmara Municipal do Barreiro, um abaixo-assinado, com mais de 500 assinaturas, a reivindicar a reabertura da Extensão de Saúde de Coina.

Esta é uma necessidade urgente, uma carência constante, demonstrativa do contínuo incumprimento do direito constitucional estipulado no Artigo 64.º, que dura há mais de três anos e que tem privado a população do direito à proteção da saúde e aos cuidados de saúde primários e de proximidade no seu território.

Em reunião de Câmara Municipal do Barreiro, no dia 01 de março, o Executivo Camarário garantiu que estavam a trabalhar para reabrir o Centro de Saúde. Mas entre falar e fazer há muito que dizer, e a população de Coina continua sem respostas, não se vislumbrando indícios de ações concretas, nem de vontade política por parte do Poder Local para a resolução deste problema.

Em sessão de Assembleia de Freguesia da União das Freguesias de Palhais e Coina, a 29 de abril, e a propósito do assunto, ouvimos do Executivo PS que o problema é a falta de médicos, que não existem médicos para virem para Coina. Ora, no dia 02 de maio de 2023 foi publicado, em Diário da República, o Aviso n.º 8762-B/2023 relativo à abertura do procedimento concursal conducente ao recrutamento de pessoal médico para a categoria de assistente, das áreas de Medicina Geral e Familiar e de Saúde Pública.

Se olharmos com atenção para o concelho abriram catorze vagas, todas indicadas para a Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados do Barreiro (Quinta da Lomba). Não se contemplando vagas ou prevendo a contratação de pessoal médico para Coina.
Posto isto, em que ficamos? Quanto mais tempo ficaremos desprovidos de acesso à saúde em Coina?

Temos um equipamento construído e dotado de todas as condições para servir a sua população, mas que por opção política e falta de perspetivas de futuro tem sido votado ao esquecimento.
O PCP tem continuamente afirmado a necessidade de investimento sério e efetivo no Serviço Nacional de Saúde, bem como da valorização dos seus profissionais, enquanto garante do acesso à saúde para todos.
Quem luta nem sempre ganha, bem sabemos, mas quem não luta perde sempre. E, por isso, esta nossa reivindicação irá continuar. Pois, foi com a luta dos utentes e do PCP que, em 2016, se conseguiu alargar o período de atendimento nesse Centro de Saúde. E será com essas mesmas forças e a luta da população que este equipamento será reaberto e voltará à sua função inicial, respondendo às necessidades de quem aqui vive, estuda e trabalha.

01 de junho de 2023
Comissão de Freguesia de Coina do PCP Partido Comunista Português

02.06.2023 - 12:26

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2024 Todos os direitos reservados.