colunistas

Cada cor seu paladar
Por Jorge Fagundes
Barreiro

Cada cor seu paladar<br />
Por Jorge Fagundes<br />
Barreiro  Em tempos já passados eram vendidos no Barreiro uns doces chamados bananins.
Conheci pessoalmente, no Alto do Seixalinho, o Sr. João que os fabricava e vendia nos barcos da carreira para Lisboa.
A base era a mesma, mas pela junção das essências, cada um desses doces tinha um sabor diferente.
E por isso eram embrulhados em papéis de cores diversas, daí serem apregoados como "cada cor seu paladar".

Ora, muitos anos antes já se falava na localização do novo aeroporto de Lisboa e, desaparecidos os bananins, a saga do novo aeroporto mantem-se bem vivinha da costa.
Segundo divulgação recente existem dezassete (!!!!) opções para a sua localização, embora nalgumas seja considerada a mesma com diferenças na estrutura aeroportuária.
Ou seja: tal como o era nos bananins temos agora dezassete espaços do nosso território metropolitano bem embrulhados em coloridos papéis, cada um deles com o sabor das conveniências dos seus fabricantes!

Jorge Fagundes

26.04.2023 - 16:11

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2024 Todos os direitos reservados.