desporto

Barreiro - Na primeira grande competição após desassoreamento do rio Mondego
Clube Naval Barreirense conquista dois lugares no pódio

Barreiro - Na primeira grande competição após desassoreamento do rio Mondego<br />
Clube Naval Barreirense conquista dois lugares no pódio<br />
Decorreu no passado sábado dia 4 de maio, no Mondego, em Coimbra, a XXXVIII Regata Internacional da Queima das Fitas e o XXV Memorial José Matos.

O Clube Naval Barreirense esteve presente com uma delegação de 13 atletas, desde a categoria infantil até absoluto, conseguindo conquistar dois lugares no pódio.

Decorreu no passado sábado dia 4 de maio, no Mondego, em Coimbra, a XXXVIII Regata Internacional da Queima das Fitas e o XXV Memorial José Matos, nesta que foi a primeira grande competição depois das obras de desassoreamento do rio.
Estiveram presentes mais de 1000 atletas, representando 31 clubes, 19 portugueses e 12 espanhóis.

Ao todo, realizaram-se 83 regatas, distribuídas por oito pistas, todas elas cumprindo uma distância de 500m, com largada com regeiras e chegada junto à ponte Pedro e Inês, no Parque Verde do Mondego.
O Clube Naval Barreirense (CNB) esteve presente com uma delegação de 13 atletas, desde a categoria infantil até absoluto, conseguindo conquistar dois lugares no pódio.

Os atletas mais jovens, ficaram assim classificados:

1. Rodrigo Virtuoso – 9º lugar (em 24 atletas) categoria Infantis Masculinos;
2. Beatriz Rosa – 3º lugar (em 17 atletas, melhor portuguesa no seu escalão) categoria Iniciados Femininos;
3. Tiago Carapuça – 21º lugar (em 29 atletas) categoria Iniciados Masculinos;
4. Mariana Estrabocha – 13º lugar (em 19 atletas) categoria Juvenis Femininos;
5. Guilherme Carriço e Ricardo Heitor – 3º lugar (em 20 atletas) categoria 2x Juvenis Masculinos;
6. Pedro Tomás – 13º lugar e Bernardo Ramos – 14º lugar (em 28 atletas) categoria Juvenis Masculinos.

Os restantes atletas competiram em conjunto na categoria de Absolutos, onde se destaca a presença nas Finais A do atleta Pedro Seixo (júnior de 1º ano) e da Diana Almeida.
Foi uma importante participação, não só pelos resultados obtidos, mas sobretudo pela experiência que se adquire ao competir entre um tão grande número de atletas, e pelo contacto com uma realidade competitiva mais exigente e de uma dimensão internacional.

As boas condições climatéricas, o local e o ambiente envolvente da festa académica, foram os restantes ingredientes que contribuíram para mais uma grande festa do remo.
No dia seguinte, houve deslocação a Montemor-O-Velho, para participação nos Testes para a Coupe de Jeunesse, a aferir as jovens esperanças do CNB.
Foi um fim de semana preenchido e proveitoso quer em experiência, quer em resultados.

Um agradecimento ao corpo técnico por todo o empenho, investimento e preocupação em que os atletas possam ter situações de aprendizagem e experiencias mais alargadas e abrangentes que lhes possibilitem um crescimento individual e coletivo, não só em termos desportivos mas também na sua formação pessoal.
Parabéns aos atletas pela sua prestação, e uma palavra de incentivo ao caminho que ainda falta percorrer!

Fonte - CNB

09.05.2019 - 15:53

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.