desporto

Ferroviários do Barreiro
As tripulações masculinas e femininas nos Nacionais de Remo

Ferroviários do Barreiro<br />
As tripulações masculinas e femininas nos Nacionais de Remo Em termos de balanço dos Nacionais de Remo, o Grupo Desportivo dos Ferroviários do Barreiro obteve dois títulos nacionais, cinco tripulações nos pódios e dez tripulações nas finais “A”. Os excelentes resultados no Shell de 8 e no Quadri-scull juniores masculinos, como também no Quadri-scull júnior feminino vêm confirmar a viabilidade na aposta nos barcos longos, sem esquecer, obviamente, os barcos curtos.

Os juniores Pedro Vales, Francisco Caetano, Gabriel Lourenço e Gabriel Munteanu foram medalhas de prata na regata de Quadri júnior, ainda antes do desdobramento para a magnífica vitória do Shell de 8 júnior. Outro remador campeão nacional da tripulação do júnior foi Dinis Calisto, ainda juvenil, que antes tinha sido 4º classificado no Skiff juvenil, entre 16 adversários e a 3 escassos segundos da medalha de bronze. A outra grande vitória dos Ferroviários do Barreiro foi alcançada por Helder Assunção, em Skiff veterano, sobre 26 competidores, quase todos eles mais jovens do que o nosso campeão veterano.

As duas jovens Raquel Figueiredo e Beatriz Rosa também obtiveram excelentes resultados nas regatas de juniores. Estas remadoras barreirenses conquistaram a medalha de bronze em Double-scull e, depois, numa embarcação mista com remadoras do Caminhense e de Cerveira foram medalha de prata no Quadri-scull júnior. A participação da skifista juvenil Mafalda Sardinha foi condicionada pela elevada competitividade da sua eliminatória, mas mostrou competência na sua final. Daniel Monteiro em Skiff júnior e Afonso Frazão em Skiff juvenil competiram pela primeira vez no Nacional sem compromissos competitivos.

No escalão sénior, duas tripulações muito jovens (Sub-23), constituídas por Marcelo Munteanu e Guilherme Carriço, em Double-scull e por Mariana Estrabocha, em Skiff, classificaram-se ambas no lugar que nenhum desportista gosta (4º classificado), o primeiro posto fora das medalhas. Ainda em seniores, os Ferroviários do Barreiro participaram em Quadri-scull masculino (7º lugar), com uma equipa formada por Marcelo Munteanu, Guilherme Carriço, João Fernandes e Helder Assunção, que foi reformulada em vésperas das competições devido a um acidente de viação de um dos seus elementos.

Os nossos veteranos competiram em Double-scull com Sílvio Rodrigues e Helder Assunção (5º classificados), com ambos os atletas a desdobrarem também para o Skiff veterano. A tripulação de Shell de 8 veterano formada por Orlando Lourenço, José Calisto, Miguel Caetano, Carlos Alves, José Duarte, José Fragoso, Miguel Lopes, Eduardo Baptista e João Fernandes (timoneiro) classificou-se no 5º lugar, entre os 15 conjuntos presentes.

Helder Assunção, Guilherme Carriço e João Fernandes, técnicos responsáveis dos Ferroviários do Barreiro são merecedores de reconhecimento pelo trabalho desenvolvido durante a época, pelas apostas técnicas e pela estratégia implementada.

Carlos Assunção

17.07.2023 - 15:40

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2024 Todos os direitos reservados.