Conta Loios

personalidades

Morreu Álvaro Oliveira Baptista
Ex- Primeiro Tenente Fuzileiro

Morreu Álvaro Oliveira Baptista<br>
Ex- Primeiro Tenente Fuzileiro No passado dia 3 de Junho, morreu Álvaro Etelvino de Oliveira Baptista, era natural de Angola, onde nasceu a 28 de Setembro de 1960. Foi 1º Tenente Fuzileiro.
Vivia no Barreiro, desde 1975, terra da sua familia materna, que abraçou como a sua, onde cultivou amizades e construiu a sua vida.

O Álvaro para uns, o «Várito» para outros, era um homem de uma grande pureza, sempre com um sorriso e uma palavra amável. Um homem de uma grande ternura.
Conheci o Álvaro nos tempos do «Jornal Daterra», quer como jovem que deu apoio ao lançamento do projecto, quer como um dos jogadores e activista dos Torneios de Futebol de Salão promovidos pelo jornal.
Ao longo da vida partilhamos sempre um aperto de mão, um comentário sobre a vida.
>
O Álvaro era o Álvaro. Não sabia que estava doente. Partiu, no dia 3 de junho, deixa no coração de muitos amigos a sua ternura, a sua simplicidade, daqueles homens que se diz, que vivia com calma, no falar, nos passos, uma sensibilidade que se sentia nos olhos.
Sempre nos respeitamos. Sempre mantivemos uma grande cordialidade – “Oi Sousa”, “Oi Álvaro”.
A amizade sente-se quando nos cruzamos com o amigo e sentimos que ele está ali, e nós estamos ali, é mesmo, assim, quando se encontra um amigo, a gente está ao pé dele e ele ao pé de nós. Foi sempre assim com o Álvaro, à porta da SFAL, onde recordo a última vez que nos cruzámos. Sorrindo. Sempre sorrindo.
Aos seus familiares e amigos os meus sentimentos.
A Gelita manda um beijo para ti.
Até sempre Álvaro.

António Sousa Pereira

05.06.2021 - 17:41

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2021 Todos os direitos reservados.