Conta Loios

as escolas

Setúbal - Ensino à distância tem início a 26 de março
IPS garante normal funcionamento com recurso ao digital

Setúbal - Ensino à distância tem início a 26 de março <br />
IPS garante normal funcionamento com recurso ao digital Com a atividade letiva suspensa e o regime de teletrabalho generalizado à larga maioria dos seus serviços e funções, o Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) tem dirigido os seus esforços, ao longo dos últimos dias, no sentido de colocar no terreno os novos procedimentos de trabalho, que privilegiam o recurso aos meios eletrónicos na relação com a comunidade académica.

No contexto das medidas de contenção e mitigação da COVID-19, pretende-se assim assegurar o normal desenvolvimento das atividades correntes do IPS e o respeito pelos direitos dos seus trabalhadores, bem como garantir que o percurso académico dos seus estudantes sofra o mínimo de danos possível.

O início das atividades de ensino à distância em todas as escolas e cursos está já agendado para o próximo dia 26 de março e, nesse sentido, o grupo de trabalho entretanto criado para o efeito tem estado reunido para definir as condições técnicas e pedagógicas em que o regime alternativo de aprendizagem irá funcionar. Potenciar o ensino prático, um das marcas distintivas do IPS, criando as condições para que os estudantes tenham acesso a software específico em casa, é para já uma das grandes preocupações desta equipa, que integra docentes de todas as cinco escolas superiores.

O IPS instituiu também um novo canal de comunicação entre os estudantes e a Divisão Académica, assegurando o atendimento à distância através de chat na plataforma Teams, disponível de segunda a sexta-feira.
Consciente de todas as perturbações decorrentes deste esforço de contenção da pandemia, com o País em Estado de Emergência, o IPS, através dos seus Serviços de Ação Social (SAS), decidiu igualmente manter as consultas de apoio psicológico, agora em regime de atendimento à distância (sessão virtual), para estudantes, trabalhadores docentes e não docentes.

No que toca aos serviços de alimentação, foi instituído o regime de take away, com entrega individual de refeições no refeitório e bares dos campi de Setúbal e Barreiro, agora encerrados. Na Residência de Estudantes de Santiago, onde permanecem alojados 120 estudantes, estão a ser disponibilizadas diariamente refeições completas, aí entregues sem qualquer custo.

Sublinhe-se que, até ao momento, não há registo de qualquer caso diagnosticado com COVID-19 na comunidade académica do IPS, respetivos familiares e relações de proximidade, e que todos os estudantes e trabalhadores recém-regressados do estrangeiro foram devidamente sujeitos a distanciamento social, permanecendo em casa pelo período recomendado.

Manter uma conduta de “muita vigilância e responsabilidade”, mas “sem alarmismos”, é o conselho deixado pelo presidente da instituição, Pedro Dominguinhos, em comunicado interno, lembrando que o IPS, “enquanto comunidade académica que vive para o desenvolvimento e melhoria contínua da sociedade, deve ser exemplar nesta matéria”.

20.03.2020 - 13:01

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2020 Todos os direitos reservados.