Conta Loios

as escolas

Escola Secundária de Casquilhos - Barreiro
Projeto Erasmus+ «The Bread Way: From Hands to Hearts» em Alicante - Espanha

Escola Secundária de Casquilhos - Barreiro<br />
Projeto Erasmus+  «The Bread Way: From Hands to Hearts» em Alicante - Espanha O Pão Português fez durante anos e anos, e ainda hoje faz, uma significativa parte da realidade portuguesa. O farnel, conjunto de mantimentos para serem consumidos durante o dia e que nos acompanhava na longa viagem, vinha da terra para matarmos as saudades das boas coisas que tínhamos deixado e que o nosso imaginário tanto valorizava.

Foi com esse espírito de outrora que embarcámos nesta aventura com outros três países, Bulgária, Espanha e Itália, no projeto Erasmus+ intitulado The Bread Way: From Hands to Hearts.

Este tem-nos possibilitado compreender os diferentes estilos de vida de cada país, onde o pão, como base alimentar de todos eles, nos tem permitido, através de texturas e sabores, compreender como um mesmo produto é integrado de forma diferente na cultura de cada país. É através da palavra Pão que se interage e se melhora as capacidades de comunicação e a maneira como se age perante situações inesperadas. Se a produção de pão tem sofrido inúmeras alterações com a evolução industrial, também as novas tecnologias se têm tornado um grande meio de trabalho nestes projetos. Os usos das mesmas ajudaram a criar atividades mais dinâmicas e apresentações mais completas e interessantes.

Este projeto proporcionou uma experiência incrível e também bastante desafiante através do tema principal, o pão, alimento milenar, que atravessa culturas e povos e que todos une. E foi neste espírito de união, que se tem vindo a trabalhar, conhecendo as diferenças culturais e históricas entre búlgaros, espanhóis, italianos e portugueses. Mas foi sobretudo através do pão que se estreitou laços e que permitiu reconhecer que afinal o pão é um bem precioso para todos, sendo muito mais que um alimento.
Imbuídos deste espírito, oito estudantes, da Escola Secundária de Casquilhos, viajaram até Alicante, Espanha, na semana de 20 a 26 de março, na companhia das professoras Cristina Silva e Leonor Inácio. Com este intercâmbio conseguiu-se alcançar o objetivo principal, a exposição a uma multiculturalidade que forneceu a todos diversos conhecimentos, despertando o interesse em relação à realidade do mundo, mas principalmente em relação ao consumo e à produção de pão de cada um dos países.

Todos os participantes começaram por serem recebidos no Centro Comunitário Playas, junto à escola anfitriã, começando aí um percurso que ficará na memória de todos para sempre. Logo no primeiro dia, houve a oportunidade de visitar o Castelo de Santa Bárbara, em Alicante, um dos locais com maior importância histórica, desde a fundação da cidade até aos tempos difíceis da guerra civil. A Câmara Municipal de Alicante foi igualmente ponto de visita obrigatório e aqui pôde-se comprovar por que razão Alicante afirma ser a melhor terra do mundo. Integrada na Comunidade Valenciana, partiu-se à descoberta da região, nomeadamente da cidade de Valência, a terceira maior de Espanha. Aqui, realizou-se um percurso pelo centro histórico, descobrindo o Mercado Central, o lindíssimo edifício La Lonja, Património da Humanidade e, para finalizar o dia, passou-se a tarde a explorar o Museu Príncipe Filipe, na fantástica zona da Cidade das Artes e das Ciências, projetada pelo arquiteto Santiago Calatrava. Houve, ainda, a oportunidade de produzir pão com ajuda de alunos de cursos profissionais, da Escola de Xixona e até mesmo de realizar uma prova de vários tipos de torrão, como o Torrão de Jijona e o Torrão de Alicante. Ainda houve tempo para pôr as mãos na massa, com ajuda de um Chefe, da Escola de Gastronomia Hestia Lucentum, permitindo mostrar os dotes de cada um e, igualmente, o trabalhar em equipa. O produto final desta vez, foi uma deliciosa Potato Coca, típica da região de Alicante.

Esta experiência possibilitou adquirir ainda mais conhecimento em relação à cultura espanhola, devido à ótima organização de atividades divertidas, de convívio e partilha.
Finalmente, referir que este foi um intercâmbio que trará muitas saudades a todos e que prova que nem todos os ditos populares correspondem à realidade, isto é, dizer que De Espanha nem bom vento, nem bom casamento, não é mesmo verdade!

Adriana Pinto, 12.ºB
Bruna Navalho, 10.ºC
Catarina Milheiras, 12.ºA
Filipe Menezes, 12.ºA
Lígia Neves, 12.ºA
Madalena Pereira, 12.ºA
Marina Barão, 12.ºA
Rodrigo Maduro, 12.ºA

Nota - O Comissão Europeia está isenta de qualquer responsabilidade relativamente ao escrito pelos alunos.

08.04.2022 - 10:04

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2022 Todos os direitos reservados.