as escolas

Barreiro – Escola Secundária de Casquilhos em Roma, Itália
Projeto Erasmus+ “D.E.M.O.S”

Barreiro – Escola Secundária de Casquilhos em Roma, Itália<br />
Projeto Erasmus+ “D.E.M.O.S”<br />
O programa Erasmus+ é um exemplo perfeito do tipo de experiência que é apenas compreendida quando vivenciada.
São evidentes e inegáveis as vantagens inerentes a este programa, principalmente quando conjugadas com a prática académica e a dinâmica presente na experiência, associadas ao contexto cultural nele inserido.

O programa Erasmus+ surge como uma alternativa ao ensino tradicional, introduzindo a oportunidade de desenvolver uma multiplicidade de aptidões e competências de um modo exponencialmente mais eficaz, manifestando-se nomeadamente na prática e no aperfeiçoamento da língua inglesa, bem como na oportunidade de conhecer não unicamente a cultura do país visitado como também, de um modo parcial, algumas particularidades dos outros países intervenientes.

É ainda importante referir a consolidação que este programa favorece, no domínio do desenvolvimento pessoal, tendo a capacidade de proporcionar aos alunos (especialmente nesta faixa etária) a solidificação de valores como a independência e a abertura de perspetivas em relação ao exterior.

Neste sentido, o terceiro intercâmbio de alunos do projeto Erasmus+ “D.E.M.O.S - Democratic thinking in Education as a Medium to Overturn prejudices and Stereotypes”, que se realizou em Roma, de 21 a 25 de novembro, potencializou o sentido diligente e o espírito crítico dos jovens participantes dos seis países da parceria – Bélgica, Bulgária, Chipre, Espanha, Itália e Portugal – através do desenvolvimento de atividades académicas, destacando-se a palestra conduzida por um refugiado afegão e os workshops sobre igualdade e direitos civis, bem como de atividades culturais, sendo alguns exemplos as visitas guiadas a diversos museus e monumentos significativamente importantes no contexto histórico da cidade de Roma, como o Coliseu, o Fórum Romano e o Museu Shoah. Foram igualmente visitados outros locais emblemáticos como o Panteão, os Museus do Vaticano, a Basílica de São Pedro, os Museus Capitolinos, a Praça de Espanha, a Praça Navona, a Praça do Povo e a Fonte de Trevi. As atividades desenvolvidas, a par do convívio entre jovens oriundos de seis países europeus, foram experiências absolutamente fascinantes e enriquecedoras para todos os participantes.

O Programa Erasmus+ constitui, indubitavelmente, uma experiência repleta de oportunidades que pode funcionar como uma ferramenta que os jovens podem utilizar a seu favor de modo a evoluir individual e coletivamente.

Bruna Navalho – 11.ºB
Daniela Nascimento – 11.ºA
Filipa Vilar – 11.ºA
Lara Gomes – 11.ºC
Lara Gonçalves – 11.ºC

Nota: “Projeto financiado pela Comissão Europeia. A informação contida nesta publicação vincula exclusivamente o autor, não sendo a Comissão responsável pela utilização que dela possa ser feita.

07.12.2022 - 19:11

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2024 Todos os direitos reservados.