Conta Loios

reportagem

Gala do Movimento Associativo do Barreiro
Vai assinalar as comemorações do Dia do Associativismo em 2019

Gala do Movimento Associativo do Barreiro<br />
Vai assinalar as comemorações do Dia do Associativismo em 2019 . José da Cruz Batista, Galardão Reconhecimento e Homenagem

. Ermelindo da Costa Batista, Galardão Valor e Mérito.

“O Movimento Associativo vai fazer parte do futuro do Barreiro”, referiu Frederico Rosa, presidente da Câmara Municipal do Barreiro,, porque é um elemento diferenciador do Barreiro em relação a outras cidades – “é uma imagem de marca”.

No âmbito das comemorações do Dia Nacional do Associativismo, ontem à noite, Associação das Colectividades do Concelho do Barreiro realizou uma sessão evocativa no salão da Cooperativa Cultural Popular Barreirense, no decorrer da qual foram homenageados associativistas que se destacaram na sua actividade de associados e dirigentes

Programa de formação de dirigentes associativos

Daniel Ventura, presidente da Direcção da Associação das Colectividades do Concelho do Barreiro, recordou que no concelho do Barreiro estão em funções mais de 2.000 dirigentes associativos, que pela sua acção contribuem para promover actividades culturais e desportivas.
Sublinhou que a associação já conta com seis anos de actividade e presta diversos serviços às associadas em áreas como Contabilidade, Jurídica e Informática.
Lançou o desafio à Câmara Municipal do Barreiro para apoiar um programa de formação de dirigentes associativos, assim como realizarem em conjunto as comemorações do Dia do Associativismo.
Referiu que associação pretende contar com a Câmara Municipal do Barreiro e Juntas de Freguesia e para tal estabelecer protocolos de cooperação.

Há razões para pertencermos a este movimento

Joaquim Escoval, em representação da Confederação das Colectividades, sublinhou a importância desta estrutura nacional fundada em 2003 que este ano passou a integrar o Conselho Económico e Social.
Referiu que vai ser criada a Confederação da Economia Social.
Divulgou a elaboração de um protocolo entre a Confederação e a Torre do Tombo para salvaguarda do espólio do Movimento Associativo.
Salientou a realização do primeiro evento associativo e cultural ao nível Ibérico, que este ano via realizar-se em Serpa.
“Há razões para pertencermos a este movimento. Estamos fortes”, disse.

Marca a história do Barreiro e o nosso presente

Frederico Rosa, presidente da Câmara Municipal do Barreiro, referiu que o Movimento Associativo – “ marca a história do Barreiro e o nosso presente”.
Sublinhou que o Movimento Associativo não deve ser o quartel general de outros interesses.
Defendeu a necessidade de tornar as colectividades atractivas.
“Hoje ser dirigente associativo é um acto herói”, disse.
O edil, em resposta a Daniel Ventura, lançou o repto de no próximo ano, no Dia do Associativismo realizar-se conjuntamente entre a Câmara Municipal do Barreiro e a Associação das Colectividades do Concelho do Barreiro, promovendo-se uma Gala do Movimento Associativo, para que este dia “seja de celebração”.
“Estas pessoas que tanto dão à cidade merecem uma sala cheia”, disse.
“O Movimento Associativo vai fazer parte do futuro do Barreiro”, referiu, porque é um elemento diferenciador do Barreiro em relação a outras cidades – “é uma imagem de marca”.

Dirigentes homenageados

Na homenagem prestada a dirigentes associativos foi distinguido com o Galardão Reconhecimento e Homenagem – José da Cruz Batista, dirigente do Grupo Desportivo «O Independente»; e, Ermelindo da Costa Batista, da AURPIL, do Lavradio, com o galardão Valor e Mérito.
A encerrar uma bela actuação musical das Mordomas da SFAL.

VER FOTOS

https://www.facebook.com/pg/jornalrostos/photos/?tab=album&album_id=10155447020702681

01.06.2018 - 22:04

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.