Conta Loios

moldura

Comissão de Utentes da Saúde do Concelho do Seixal
ENCERRAMENTO DA URGÊNCIA PEDIÁTRICA DO HGO

Comissão de Utentes da Saúde do Concelho do Seixal<br />
ENCERRAMENTO DA URGÊNCIA PEDIÁTRICA DO HGO<br />
. Número de especialistas em Pediatria neste hospital é manifestamente insuficiente e o governo não tem sabido, ou não quer, responder de forma eficiente a esta escassez crónica de profissionais.

O HGO é o hospital de referência do distrito de Setúbal, servindo actualmente uma população de aproximadamente 500 mil pessoas, e não pode ficar desprovido deste importante serviço, que recebe cerca de 200 casos por dia.

ENCERRAMENTO DA URGÊNCIA PEDIÁTRICA DO HGO

A Comissão de Utentes da Saúde do Concelho do Seixal, manifesta-se chocada com o encerramento do serviço de Urgência Pediátrica do Hospital Garcia de Orta, das 20h00 de hoje até às 8h00 de amanhã. Os doentes serão reencaminhados para o Hospital de Santa Maria e Dona Estefânia.

Não estamos surpreendidos com a situação presente, pois era iminente que isto viesse a acontecer.
Ainda ontem estivemos no átrio do HGO a acompanhar a conferência de imprensa da FNAM, que antecipava este desfecho. Já em abril deste ano fomos nós a dar uma mesma conferência de Imprensa pelo mesmo motivo.

O HGO é o hospital de referência do distrito de Setúbal, servindo actualmente uma população de aproximadamente 500 mil pessoas, e não pode ficar desprovido deste importante serviço, que recebe cerca de 200 casos por dia. A acrescer a esta situação a Unidade de Cuidados Intensivos Pediátricos está fechada há 3 meses, não tendo reaberto até agora, apesar das diversas promessas.

O número de especialistas em Pediatria neste hospital é manifestamente insuficiente e o governo não tem sabido, ou não quer, responder de forma eficiente a esta escassez crónica de profissionais, criando condições atractivas para a sua fixação, nomeadamente por via da Dedicação Exclusiva e melhores condições de trabalho e carreiras médicas.

A obsessão com o défice tem contribuído para o desinvestimento e subfinanciamento do Serviço Nacional de Saúde, servindo para o crescimento exponencial da medicina privada, transferindo do Orçamento de Estado para estes, cerca de metade do valor afecto ao Ministério da Saúde.
Não se pode apontar para um défice zero ou, como já se antecipa para este ano, um excedente orçamental, quando este é conseguido à custa da degradação dos serviços públicos socialmente mais importantes.

A Comissão de Utentes da Saúde do Concelho do Seixal, manifesta-se totalmente solidária com a luta dos profissionais de saúde, reconhecendo e valorizando a sua resiliência e resistência aos ataques que lhes têm sido feitos e contra o Serviço Nacional de Saúde, exigindo a reposição das condições para o funcionamento sem sobressaltos da Urgência Pediátrica do HGO, servindo a população que a ela recorre, com a eficácia e eficiência que ela merece e necessita.

Desta posição iremos dar conhecimento aos Senhores Presidente da República, Presidente da Assembleia da República e Grupos Parlamentares, Primeiro-Ministro, Ministra da Saúde, ARSLVT, Conselho de Administração do Hospital Garcia de Orta, Câmara Municipal e Assembleia Municipal do Seixal, Juntas e Assembleias de Freguesia do Concelho do Seixal.

A Comissão de Utentes da Saúde do Concelho do Seixal
12 de outubro de 2019

12.10.2019 - 23:41

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.