Conta Loios

moldura

Setúbal - Implementação do projeto Comunicação Digital de Proximidade
Formalização de Protocolo de Cooperação entre AMRS e DGLAB

Setúbal - Implementação do projeto Comunicação Digital de Proximidade<br />
Formalização de Protocolo de Cooperação entre AMRS e DGLAB<br />
 Realizou-se no passado dia 2 de dezembro de 2019, na Quinta de S. Paulo em Setúbal, a Assinatura do Protocolo de Cooperação entre a Associação de Municípios da Região de Setúbal (AMRS) e a Direção-Geral do Livro dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), com vista à implementação do projeto Comunicação Digital de Proximidade, no âmbito do Orçamento Participativo Portugal (OPP).

A cerimónia contou com a presença de Rui Garcia, Presidente do Conselho Diretivo da AMRS, de Sofia Martins, Secretária-Geral da AMRS, de Ângela Carvalho Ferreira, Secretária de Estado Adjunta e do Património Cultural, de Silvestre Lacerda. Diretor-Geral da Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), de António Sousa Pereira, Diretor do Jornal “O Rostos” e dos Autarcas e Vereadores dos municípios associados da AMRS.

No âmbito do OPP 2017, António Sousa Pereira apresentou o projecto “Comunicação Digital de Proximidade”, com o intuito de aproximar a comunicação social dos cidadãos. O projecto foi um dos vencedores da edição do ano de 2017.

O reconhecimento do longo percurso de trabalho em rede das Bibliotecas da Região de Setubal, levou o proponente e a DGLAB a eleger a AMRS, e a sua Rede Intermunicipal de Bibliotecas da Região de Setubal, como parceiro ideal para a implementação deste projecto.
O projeto Comunicação Digital de Proximidade permitirá dar ênfase às questões da literacia mediática, cada vez mais evidenciadas pelo papel insubstituível que a comunicação tem nos dias de hoje.

A Secretária de Estado Adjunta e do Património Cultural, Arq. Ângela Carvalho Ferreira, referiu que a implementação deste projeto vem «aproximar os cidadãos e combater a iliteracia mediática, dar a conhecer aos visitantes dos municípios os meios de comunicação social existentes ao nível do próprio município e ao nível da Região, incentivando e promovendo uma cidadania ativa, uma cidadania participada.»

Face à necessidade de se trabalhar um tema tão atual e necessário para o universo das bibliotecas, a AMRS viu neste projeto um meio privilegiado para a reflexão, debate e aplicabilidade destas matérias, nomeadamente, a importância da formação para a aquisição de competências em literacia digital. «É mais um passo dado na modernização da nossa oferta de comunicação e na possibilidade dos nossos cidadãos terem acesso a estas tecnologias que de outra forma seria mais difícil» sublinhou Rui Garcia, Presidente do Conselho Diretivo da AMRS.

O projeto incidirá em duas vertentes de trabalho que, numa primeira fase, inclui o recurso a um Estúdio móvel multimédia, cujo objetivo fundamental será a promoção de sessões de produção de conteúdos digitais como forma de comunicação estratégica e, numa segunda fase, incidirá na Formação em literacia mediática a ocorrer nas bibliotecas municipais, com vista à promoção de sessões de formação em literacia mediática e à promoção de oficinas de comunicação multimédia, para produção de conteúdos de comunicação digital.
Nesta ocasião, foram também celebrados os protocolos entre a AMRS e os municípios seus associados, garantindo a prossecução do projeto nas respetivas bibliotecas municipais, que compõem a Rede Intermunicipal de Bibliotecas da Região de Setúbal.

Fonte - AMRS

VER FOTOS

https://www.facebook.com/pg/jornalrostos/photos/?tab=album&album_id=10156619590737681

04.12.2019 - 12:34

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2019 Todos os direitos reservados.