Conta Loios

moldura

No São Luiz Teatro Municipal em Lisboa
Nancy Vieira apresenta-se em «Baile Sentado»
. Uma voz que leva o Barreiro pelo mundo

No São Luiz Teatro Municipal em Lisboa<br />
Nancy Vieira apresenta-se em «Baile Sentado»<br />
. Uma voz que leva o Barreiro pelo mundo  Nancy Vieira está de regresso aos palcos. No dia 10 de julho, sexta-feira, apresenta-se no São Luiz Teatro Municipal em “Baile Sentado”, um espetáculo apresentado pelo B’Leza no qual, para além de Nancy, atuarão também outros músicos de Cabo Verde. Na próxima semana a artista parte para França onde fará numa digressão de dez dias naquele país.

Nancy Vieira está de regresso aos palcos. No dia 10 de julho, sexta-feira, apresenta-se no São Luiz Teatro Municipal em “Baile Sentado”, um espetáculo apresentado pelo B’Leza no qual, para além de Nancy, atuarão também outros músicos de Cabo Verde. Na próxima semana a artista parte para França onde fará numa digressão de dez dias naquele país.

Nancy Vieira é uma das mais reputadas artistas a explorarem no presente o imenso património musical de Cabo Verde que, no caso específico da morna, mereceu até distinção recente da Unesco como Património Imaterial da Humanidade. E Nancy, profunda conhecedora do particular balanço da morna, foi convidada a eternizar o momento interpretando o tema "Sum Sabia" em Bogotá na Colombia.

A artista, que reside em Portugal, estreou-se em 1995, mas começou por dar nas vistas em 1999, quando surgiu numa compilação de título Música de Intervenção Cabo-Verdiana cantando ao lado do lendário Ildo Lobo. Lançou depois os trabalhos Segred (Praça Nova, 2004), Lus (Harmonia Mundi/World Village, 2007), Pássaro Cego (Arthouse, 2009), com Manuel Paulo, ou Nô Amá (Lusafrica, 2012). Já em 2018 apresentou o muito aplaudido Manhã Florida (uma vez mais com selo Lusafrica). Ao longo dos anos, a qualidade de Nancy manifestou-se também nos convites que foi recebendo, tendo cantado ao lado de Rui Veloso ou Júlio Pereira e tendo até juntado a sua voz a um dos tributos dedicados a José Afonso, provas de uma versatilidade ampla que sempre se manifestou na sua arte.

Nancy Vieira prepara agora novos trabalhos e desafios, sempre com a mesma vontade de elevar a tradição musical cabo-verdiana. A artista encontra-se igualmente com um espetáculo renovado, de elevada qualidade musical e com reportório cuidadosamente selecionado.



09.07.2020 - 15:33

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2020 Todos os direitos reservados.