Conta Loios

moldura

Montijo – Investigação de Violência doméstica
Tribunal Judicial do Barreiro aplicou medida de coação de prisão preventiva.

Montijo – Investigação de Violência doméstica<br />
Tribunal Judicial do Barreiro aplicou medida de coação de prisão preventiva. Na sequência de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o agressor infligiu agressões verbais, físicas e ameaças de morte, com a vítima, sua ex-companheira de 78 anos, adotando sempre uma conduta controladora e ciumenta, sujeitando-a a viver num clima de constante terror e a temer pela própria vida.

O Comando Territorial de Setúbal, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Almada, ontem, dia 8 de junho, deteve um homem de 85 anos por violência doméstica, no concelho de Montijo.

Na sequência de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o agressor infligiu agressões verbais, físicas e ameaças de morte, durante o casamento de cerca de 60 anos que manteve com a vítima, sua ex-companheira de 78 anos, adotando sempre uma conduta controladora e ciumenta, sujeitando-a a viver num clima de constante terror e a temer pela própria vida. No decorrer das diligências policiais foi dado cumprimento a um mandado de detenção.

O detido foi presente a primeiro interrogatório no Tribunal Judicial do Barreiro, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

09.06.2021 - 15:51

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2021 Todos os direitos reservados.