moldura

Alcochete
Apreensão de mais de 600 quilos de amêijoa-japonesa

Alcochete<br />
Apreensão de mais de 600 quilos de amêijoa-japonesa Na sequência das diligências policiais, foi identificado um indivíduo de 37 anos, e elaborado um auto de contraordenação, por falta de documento de registo.
Os bivalves, depois de verificação higiossanitária, serão destruídos.

O Comando Territorial de Setúbal, através do Posto Territorial de Alcochete, no dia 7 de junho, apreendeu mais de 600 quilos de amêijoa-japonesa, no concelho de Alcochete.

No âmbito de uma ação de patrulhamento, os militares da Guarda abordaram uma viatura que transportava mais de 600 quilos de amêijoa-japonesa, tendo sido possível apurar que esta transportava os bivalves sem documento de registo e de transporte obrigatórios, o que não permitia determinar a sua origem, nem se tinham sido cumpridas as normas obrigatórias relativas à rastreabilidade, havendo assim a possibilidade de se constituírem um perigo para a saúde pública.

Na sequência das diligências policiais, foi identificado um indivíduo de 37 anos, e elaborado um auto de contraordenação, por falta de documento de registo.
Os bivalves, depois de verificação higiossanitária, serão destruídos.

A GNR relembra que a captura, depósito e expedição deste tipo de bivalves, sem que sejam sujeitos a depuração ou ao controlo higiossanitário, pode colocar em causa a saúde pública, caso sejam introduzidas no consumo, devido à possível contaminação com toxinas, sendo o documento comprovativo da origem fundamental para a prevenção da introdução de forma irregular no consumo.

10.06.2024 - 12:53

Imprimir   imprimir

PUB.

Pesquisar outras notícias no Google

Design: Rostos Design

Fotografia e Textos: Jornal Rostos.

Copyright © 2002-2024 Todos os direitos reservados.